Estrabismo e astigmatismo em gatos

Escrito por rena sherwood | Traduzido por aline nunes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Estrabismo e astigmatismo em gatos
Gato estrábico (Wikimedia Commons)

Estrabismo é outro nome para olhos que se fixam na posição errada. Astigmatismo é outro termo para um problema de visão no qual o gato não enxerga de maneira acurada. Gatos estrábicos têm problemas na percepção de profundidade e outras disordens oftalmológicas, pois todos os gatos com estrabismo têm astigmatismo, mas nem todos que sofrem de astigmatismo são estrábicos.

Outras pessoas estão lendo

Causas

Existem várias causas para o estrabismo em felinos. A mais comum ocorre devido a defeitos genéticos dos olhos. Mas outras condições potencialmente letais, tais como encefalite, lesões nos olhos ou no cérebro, vírus da leucemia felina e câncer, podem fazer com que os olhos do gato cruzem. A posição resultante do olho pode fazer com que o gato tropece em objetos e fique com medo de se movimentar.

Raças

Algumas raças de gato têm predisposição para estrabismo e astigmatismo, mas a siamesa parece ter sido a primeira a manifestá-la. Qualquer raça com a qual a siamesa desempenhou um papel importante no plantel original pode ser propensa a essas condições. Essas linhagens incluem o gato himalaio, o tailandês, o toquinês, o balinês, o ragdoll e o colorpoint de pelo curto. De acordo com o veterinário Dr. John McDonnell, os indivíduos de uma cor da raça persa, o flame e o red point, também tendem a ter os olhos cruzados. Gatos albinos também pode tender ao estrabismo.

Tipos

Há dois tipos de estrabismo em felinos — divergente e convergente. No estrabismo divergente, os olhos são virados de maneira anormal, como se estivessem tentando olhar para os lados, para baixo ou pra cima de um objeto. Já no caso do convergente, as pupilas possuem um olhar cruzado mais comum, no qual elas são fixas próximas ao nariz. Outro nome para o estrabismo convergente é estrabismo medial.

Cronograma

Estrabismo e astigmatismo podem acontecer a qualquer momento da vida de um gato, dependendo da causa. Mesmo que a causa seja genética, os olhos cruzados podem se manifestar no nascimento ou durante o desenvolvimento e maturação do cérebro ou dos músculos do olho. Isso pode acontecer com os dois ou em apenas um olho.

Tratamento

Se a causa do estrabismo e do astigmatismo for a genética do animal, então não há cura. Esses gatos devem ser castrados, de modo a não transmitir o gene aos herdeiros. Mas, se o estrabismo ocorre devido a uma condição médica subjacente, então o tratamento dessa condição deve permitir que os olhos voltem para uma posição normal.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível