Como a geometria é usada no design de interiores?

Escrito por suzanne alicie | Traduzido por randhal wendel
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como a geometria é usada no design de interiores?
Use a geometria para projetar o design dos seus cômodos (geometry image by Kovac from Fotolia.com)

Outras pessoas estão lendo

Tapeçarias

A geometria entra em jogo quando se projeta um layout para tapeçarias. Ângulos, espaços, design e medidas, todos são parte da geometria e desempenham um papel importante na área de design de interiores. Além da altura das tapeçarias, existe também o padrão segundo o qual elas são dispostas, em que se pode colocar em jogo uma forma retangular, losangular ou mesmo circular.

Layout dos cômodos

A geometria em layouts de cômodos pode ser tão simples quanto decorar em um retângulo ou em círculo, ou mais envolvente se houver janelas hexagonais ou uma vista que precisa ser incorporada no design do cômodo. Colocar uma estante de televisão em um ângulo em um canto é um exemplo do uso de geometria. Os ângulos devem ser medidos, e os espaços e distâncias devem ser mantidos. Layouts de cômodos envolvem ainda designs lineares para áreas distintas do cômodo.

Simetria

Escolher móveis e artigos de decoração para um cômodo envolve a geometria quando você analisa o espaço e a simetria necessários para fazer cada item parte de um cômodo completo. Altura, largura, fluxo, ângulos, ou seja, tudo tem que ser levado em consideração para criar um ambiente esteticamente agradável. Os designers de interiores têm que atentar para todas essas áreas e incluir o pensamento geométrico em sua decoração para fazer os designs completos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível