Como saber se você tem ginecomastia

Escrito por karyn maier | Traduzido por claudio silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como saber se você tem ginecomastia
O médico irá lhe pedir exames para confirmar o diagnóstico de ginecomastia (Photodisc/Photodisc/Getty Images)

A ginecomastia é o termo técnico para uma doença caracterizada pelo aumento das mamas em homens. A causa específica é uma flutuação nos níveis hormonais, o que geralmente ocorre na infância, puberdade ou na meia-idade. Apesar de não ser fatal, é possível que sinta dor ou desconforto. O mínimo que pode acontecer, é você se sentir constrangido por ter "seios" e simplesmente tentar escondê-los. No entanto, uma vez que o aumento do tecido pode significar o indício de uma doença oculta de natureza mais grave, é importante que a ginecomastia seja diagnosticada e tratada.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Examine-se em um espelho, se suspeitar que tem ginecomastia. Ela se caracteriza pelo crescimento excessivo do tecido mamário glandular, não o acúmulo de gordura em excesso. É possível notar a diferença ao se observar e apalpar a área e sentir o aumento do tecido subjacente ao redor dos mamilos, que tenha mais de 5,08 milímetros de diâmetro.

  2. 2

    Preste atenção aos sintomas reveladores. Eles incluem inchaço geral, dor, ondulações no mamilo ou pele circundante, e aumento dos gânglios linfáticos sob a axila. Em alguns casos, pode haver secreção de um líquido límpido de um ou ambos os mamilos.

  3. 3

    Crie um perfil de fator de risco. Os fatores de risco que podem predispô-lo a desenvolver ginecomastia incluem certos medicamentos, como os destinados ao tratamento de doenças do fígado, dos rins, tiroide hiperativa, diuréticos, inibidores de ACE, problemas cardíacos, câncer de próstata e infecção pelo HIV.

  4. 4

    A única maneira de você saber se tem ginecomastia é indo ao médico para fazer uma avaliação. Ele pode pedir uma série de exames de sangue para medir os níveis de testosterona, a produção de hormônios esteroides, da tireoide e função hepática e renal.

  5. 5

    Esteja ciente de que a demora em obter um diagnóstico e tratamento pode resultar em cicatrizes do tecido glandular, que só podem ser corrigidas com cirurgia. Coloque a sua vergonha de lado. É melhor ter certeza de que você tem ginecomastia do que ignorá-la.

Dicas & Advertências

  • A ginecomastia em determinadas fases da vida, como na infância e durante o início da puberdade, é muitas vezes temporária. Nesses casos, os sintomas geralmente desaparecem dentro de seis meses.
  • A ginecomastia é associada a um risco cinco vezes maior de câncer de mama masculino.
  • Até o momento, a Food and Drug Administration não aprovou nenhum medicamento específico para tratá-la, que incluem inibidores da aromatase (redutores de estrogênio) e moduladores seletivos dos receptores de estrogênio.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível