Gravidez e piercing no umbigo

Escrito por gigi starr | Traduzido por andressa v. da nobrega
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Gravidez e piercing no umbigo
É possível manter seu piercing no umbigo durante sua gravidez (OLYMPUS DIGITAL CAMERA image by Ann-Christin Reinholz from Fotolia.com)

Os piercings no umbigo são comuns entre pessoas que gostam de usar joias pelo corpo. Entretanto, as mulheres geralmente precisam lidar com uma questão: a gravidez. Com a barriga esticando, crescendo e com os chutes do bebê, pode não ser uma boa ideia manter um piercing no umbigo. Felizmente, é possível manter um piercing saudável e livre de infecção por todo esse período de nove meses.

Outras pessoas estão lendo

Importância

As mulheres colocam piercings no umbigo por várias razões. Acredita-se que eles aumentem a fertilidade, embelezem o estômago e sejam um símbolo de poder e nutrição feminina. Por essas razões, várias mulheres preferem não retirar seus piercings durante a gestação.

Algumas mulheres também colocam um piercing no umbigo para comemorar um importante evento em suas vidas. Eles pode ser um lembrete de um dia especial, ou um símbolo de que você esteja obtendo domínio sobre seu corpo novamente. Ter que retirar o piercing pode significar a perda de um objeto de valor sentimental.

Função

Uma das principais funções do piercing de umbigo é ser um enfeite. Essa pequena peça de metal, que pode ser usada com uma pedra ou pingente, pode aumentar a autoestima e melhorar o relacionamento da mulher com seu corpo.

Devido ao esticamento da pele, um piercing de umbigo pode se tornar bastante desconfortável. Por isso, profissionais da área incluíram anéis de plástico customizáveis a seus produtos. Esses anéis não apenas ficam bonitos, como também podem ser ajustados para qualquer umbigo — incluindo um em constante mudança.

Benefícios

Os anéis para serem usados em piercings durante a gravidez são excelentes por várias razões. O tubo de plástico pode ser cortado para ajustar o canal original do piercing à medida em que o estômago se distende. Fabricados com plástico cirúrgico, esses anéis são simples de se limpar. Para quem estiver com medo de alguma laceração da pele, as pontas dos rolamentos apenas saltam ao serem bem esticados. O custo também é muito razoável se comparado ao de piercings de metal.

Dica de especialista

É perfeitamente normal manter um piercing de umbigo já cicatrizado, mas fazer um novo durante a gravidez pode não ser uma boa ideia. Um piercing leva várias semanas para cicatrizar adequadamente, e a área vai passar por muitas mudanças durante o processo. De acordo com o site "March of Dimes", "à medida em que a barriga cresce, o furo de um novo piercing pode ter problemas de cicatrização e para se fechar corretamente. Isso pode levar a infecções". Para melhores resultados, espere para colocar um enfeite no umbigo depois que seu bebê tiver nascido.

Período de tempo

Mudar seu piercing atual por um adequado para a gravidez antes de sua barriga ficar muito grande vai minimizar algum possível desconforto ou evitar uma infecção causada pela irritação do orifício do enfeite. Um anel específico é especialmente indicado para a segunda metade da gravidez, quando o umbigo será empurrado pelo corpo do bebê.

Não se preocupe com o trabalho de parto; seu piercing ficará bem. A médica Leslie Kardos, que também tem um piercing no umbigo, explica ao site "BabyCenter.com": "sempre é possível trabalhar ao redor de um piercing. Na verdade, eu deixei o meu durante o nascimento de meu segundo filho, e não tive problemas."

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível