Habitat natural do Staphylococcus epidermidis

Escrito por contributing writer | Traduzido por eduardo horst maidana
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Habitat natural do Staphylococcus epidermidis
Staphylococcus aureus e epidermidis são importantes agentes de infecções hospitalares (Bacteria Colonies image by ggw from Fotolia.com)

A Staphylococcus epidermidis é uma bactéria que causa perigosas infecções, é comensal (vive e se alimenta junto) da Staphylococcus aureus em equipamentos hospitalares e se espalha facilmente de paciente para paciente em uma velocidade epidêmica. O habitat natural do S. epidermidis é rico em proteína e calor, tipicamente em cateteres, feridas cirúrgicas, próteses de joelho, quadril ou placas e pinos utilizados para tratamento de fraturas. As cepas de S. aureus e S. epidermidis que transitam nos hospitais são virulentas e resistentes à maioria dos antibióticos e desinfetantes.

Outras pessoas estão lendo

História

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças descrevem a sigla MRSA como staphylococci que são resistentes aos antibióticos meticilina, penicilina e cefalosporinas. Vancomicina tem sido o antibiótico mais efetivo e confiável utilizado intravenosamente para o tratamento do MRSA. A maior preocupação das autoridades médicas e dos paciente é o fato de que as infecções por bactérias do gênero staphylococcus adquiridas em hospitais cresceram de 2% nos hospitais em 1974, para 40% em 1997. Dois milhões de novos casos de infecção, 90.000 mortes e R$9 bilhões são gastos a mais em saúde devido à estas infecções, nos EUA, segundo dados divulgados pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças americano.

Habitat natural do Staphylococcus epidermidis
Cepas de staphylococcus resistentes a antibióticos são cada vez mais encontradas em infecções hospitalares (couloir d'hopital2 image by victor cossy from Fotolia.com)

S. Epidermidis e S. Aureus

Staphylococcus aureus e Staphylococcus epidermidis causam furúnculos superficiais, lesões e abscessos ou infecções profundas, osteomielite e endocardite. S. epidermidis em comensalismo com S. aureus podem infectar feridas cirúrgicas e cateteres, bem como próteses de joelho e quadril, ou placas e pinos utilizados para tratar fraturas. S. aureus e S. epidermidis podem também induzir à síndrome do choque tóxico pela liberação de anticorpos no sangue. Proteínas superficiais na pele e/ou implantes atraem e hospedam colônias de bactérias.

Habitat natural do Staphylococcus epidermidis
Feridas cirúrgicas são focos frequentes de infecções hospitalares por S. aureus e epidermidis (wound image by Andrey Rakhmatullin from Fotolia.com)

Habitat natural

Além das proteínas superficiais na pele e nos implantes, que atraem bactérias, proteínas regulatórias são enzimas essenciais para polissacarídeos de adesão intercelular. Um cateter provê um ambiente quente e rico em proteínas, propício para a infecção por staphylococcus.

Habitat natural do Staphylococcus epidermidis
Cateteres são ambientes propícios para infecção por staphylococcus (Blood gas image by Aleksandrs Jermakovi from Fotolia.com)

Prevenção

O habitat natural para infecção por staphylococcus requer polissacarídeos capsulares para a patogênese e a infecção. O New England Journal of Medicine (2002) publicou sobre uma vacina contra staphylococcus que reduziu em 60% a infecção por estes agentes em paciente com imunidade comprometida e com doença renal grave. Polissacarídeos capsulares foram usados como veículo para estas vacinas. Em pacientes de hemodiálise, um vacina contra essas bactérias dá ao paciente imunidade parcial contra elas por aproximadamente 40 semanas, depois das quais os níveis de anticorpos caem.

Habitat natural do Staphylococcus epidermidis
Vacinas podem ser novas armas contra as infecções por staphylococcus (vaccine image by Mykola Velychko from Fotolia.com)

Diagnóstico e tratamento

Pacientes infectados e profissionais de saúde são isolados e banhados com desinfetantes. O hospital tenta controlar a propagação da infecção. A infecção pode também ser tratada com antibióticos de uso tópico. Infecções por staphylococcus são diagnosticadas pela identificação das colônias de bactérias em kits de cultura preparados e vendidos para este fim, que simulam o habitat natural destas bactérias. Infecções que não respondem a meticilina são resistentes a múltiplos antibióticos. Cepas resistentes são tratadas com vancomicina intravenosa.

Habitat natural do Staphylococcus epidermidis
Algumas cepas de staphylococcus são resistentes a vários antibióticos e são geralmente tratadas com vancomicina intravenosa (antibiotics image by CraterValley Photo from Fotolia.com)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível