Infecções causadas por mordida de gato

Escrito por corey m. mackenzie | Traduzido por aline freitas
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Mordidas do gato podem ser leves ou graves, mas mesmo as leves podem causar infecção. A saliva dos animais (incluindo a humana) é cheia de bactérias. Quando introduzidas em uma ferida, e isso sempre ocorre durante uma mordida, podem ocasionar infecções graves. Todas as mordidas fortes o suficiente para arranhar a pele ou causar sangramento, seja a vítima um ser humano ou um outro gato, devem ser tratadas como um ferimento sério.

Outras pessoas estão lendo

Características

Mordidas do gato são feridas puntiforme e representam um alto risco de infecção devido à contaminação bacteriana. Nas pessoas, ela será perceptível de imediato, mas em gatos podem ficar escondidas pela pelagem até que se torne inflamada e infectada. As mordidas de gato geralmente se assemelham a uma ou duas marcas de perfuração (as presas nem sempre penetram na pele). A pele adjacente à ferida fica geralmente inflamada.

Tipos

De acordo com a Escola de Veterinária da Universidade do Estado da Louisiana, pasteurelose, estreptococos, estafilococos e capnocytophaga são bactérias presentes na saliva de animais que podem infeccionar a ferida da mordida. A raiva também é uma outra possibilidade, se o animal não tiver sido vacinado contra a doença.

Sintomas

Se uma mordida de gato se tornar infectada, ela pode inchar, ficar vermelha e com pus. A área afetada estará quente e dolorosa, e a infecção pode se espalhar para tecidos adjacentes. No caso da capnocytophaga, a Escola de Veterinária da Universidade do Estado da Louisiana adverte que a bactéria pode vir a contaminar o sangue.

Abscessos

Abscessos profundos se formam em gatos com mordidas. Eles são causados quando a pele próxima à superfície se fecha parcialmente sobre a ferida, retendo germes nocivos. Os gatos podem ficar sem andar temporariamente se as feridas estiverem perto das patas traseiras, como normalmente estão. Um veterinário pode precisar drenar o abcesso e os animais com essas feridas infectadas devem ser colocados sob tratamento com antibióticos.

Prevenção/solução

Se você foi mordido forte o suficiente de forma que as presas do felino romperam sua pele, lave imediatamente o ferimento com água limpa e sabão. Deixe-o sangrar, se puder -- não estanque o sangramento, exceto em casos extremos. O sangue pode ajudar a eliminar as bactérias da ferida. Aplique um creme ou pomada antibiótica e verifique de perto o ferimento. Se você não tiver certeza do histórico de vacinação do gato, leve-o a um veterinário para análise, se possível. A raiva é também uma possibilidade, e muito grave.

Perigos

A raiva não é tão comum em gatos domésticos como em outros animais, como cachorros. No entanto, se você for mordido por um gato que não o seu e não souber se ele foi vacinado contra a doença, você deve tratar a situação como uma possível exposição à raiva. O seu médico irá ajudar a determinar se você precisa de tratamento preventivo. Há também a possibilidade de precisar de uma vacina contra o tétano.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível