Saúde

Como ler os relatórios de ultrassonografia fetal

Escrito por nathaniel miller | Traduzido por izabel santos
Como ler os relatórios de ultrassonografia fetal

Como ler os relatórios de ultrassonografia fetal

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

A ultrassonografia fetal é um exame realizado para avaliar o estado do feto na bolsa placentária. Essa técnica utiliza ondas sonoras de frequências variadas para produzir uma imagem do feto, da placenta e do líquido amniótico. A imagem é mostrada em preto e branco em uma tela anexa ao aparelho de ultrassom. Essas imagens servem como um relatório da condição do bebê quando feito em intervalos regulares. A ultrassonografia fetal é vital para a detecção de problemas relacionados à saúde do feto, como má formações ou mudança na posição do feto.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Marque a ultrassonografia entre sete a 14 semanas após a confirmação da gravidez. Nessa etapa, a ultrassonografia dará uma estimativa do tempo de gestação e ajudará a definir uma data para o nascimento.

  2. 2

    Observe o diâmetro da cabeça do feto na 13ª semana e novamente quando o nascimento estiver próximo. A diferença ideal é de aproximadamente 7 cm.

  3. 3

    Compare o comprimento do fêmur na 14ª semana com o comprimento de uma data próxima do nascimento. A diferença ideal é de aproximadamente 6 cm.

  4. 4

    Anote a circunferência abdominal para estimar o peso do bebê no momento do nascimento.

  5. 5

    Examine o ultrassom em busca de más formações. Muitas ultrassonografias 3D permitem descobrir se o bebê nascerá com lábio leporino ou outra anormalidade estética.

  6. 6

    Examine o ultrassom e localize o feto (dependendo do estágio da gestação, o bebê pode parecer um amendoim ou uma criança pequena). Conte o número de cabeças visíveis para determinar se há possibilidade de existirem várias.

  7. 7

    Determine a localização (ou posição) da placenta localizando a extremidade do colo do útero, o feto e o vazio entre o bebê a placenta.

  8. 8

    Averigue a quantidade de fluido amniótico para determinar se há presença de hidrâmnios (excesso de fluído) ou oligo-hidrâmnios (há pouco fluído). Ambas as condições podem ser detectadas medindo pequenas bolsas de fluido amniótico e, então, usando a informação para estimar a quantidade total de fluído.

Dicas & Advertências

  • Um intervalo de seis a oito semanas é necessário entre as ultrassonografias para garantir que o bebê se recupere do exame e para permitir um crescimento considerável entre os exames.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media