Luzes de aquário para o crescimento de corais

Escrito por reece keene | Traduzido por elisa silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Luzes de aquário para o crescimento de corais
A iluminação certa pode ajudar o coral a crescer (corail image by Christophe Fouquin from Fotolia.com)

Se estiver começando ou mantendo um aquário com corais, um dos componentes mais cruciais do sistema é a iluminação. As três categorias de corais têm necessidades diferentes: os corais com esqueleto (corais de corpo duro com pólipos grandes e corais de esqueleto duro com pólipos pequenos) precisam de mais iluminação, enquanto os soft (que não têm esqueleto) precisam de menos. Todos os tipos precisam fazer fotossíntese para crescer e multiplicar, seja no oceano ou em um aquário. Assim como plantas que usam luz para criar clorofila, as vidas marinhas, como corais, convertem a luz em alimento através dos subprodutos das algas zooxantelas com as quais os corais vivem em simbiose.

Outras pessoas estão lendo

Frequência de iluminação

A iluminação pode afetar a coloração e tonalidade do coral. Mudar a frequência (o espectro) de luz que os animais do aquário recebem, às quais acostumaram, pode danificar o coral se for feito sem prudência. Um tanque de recife deve ser iluminado tanto quanto possível em relação ao espaço disponível. Aprenda sobre as melhores frequências para os corais que você possuir, tendo cautela sempre que ajustar a fonte de luz do aquário.

Ajuste de luzes

Quando ajustar a iluminação do aquário, você pode notar que os pólipos encolherão ou mostrarão algum comportamento de autoproteção em reação à mudança. Porém, em alguns dias, você começará a notar as diferenças, como a mudança de cor vinda das zooxantelas. As algas estão se adaptando à alteração na luz ultravioleta modificando quanta luz podem absorver, o que se reflete na cor. Mantenha seus corais mais brilhantes próximos às luzes.

Luzes de haleto metálico

Os corais de esqueleto duro com pólipos pequenos são os mais comuns dentre os que possuem esqueleto. Mais do que os outros, eles necessitam de fontes de luz dinâmicas, assim, as lâmpadas de haleto metálico são ideais na manutenção desses corais, pois pode ser difícil estabelecer uma quantidade, devido à sua extrema delicadeza. Essas lâmpadas fornecem uma intensa fonte de luz que encoraja o crescimento desse tipo de coral, que se desenvolve em taxas fenomenais com essa fonte de iluminação. Tenha cuidado e vigie seu aquário uma vez que ele esteja estabilizado, pois pode precisar cortá-lo frequentemente. Esses cortes produzirão "mudas" que você poderá usar para propagar uma "fazenda de coral" como muitos fazem.

Luzes fluorescentes e lunares

Para os corais macios e outros pólipos, as lâmpadas fluorescentes super compactas e VHO (very high output -- saída muito alta) podem funcionar bem. Os sistemas fluorescentes T5 são efetivos para corais que precisam de luz moderada. Tente também luzes lunares para promover o desenvolvimento do coral, que aumenta o crescimento com a vantagem de permitir que você possa admirar a vida noturna do aquário.

Monitoramento de luz

Aclimate adequadamente o recife para as luzes, mantendo sistemas de iluminação e horários para obter uma diferença positiva na saúde e crescimento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível