Medicamentos para tratar transtorno obsessivo-compulsivo

Escrito por ehow contributor | Traduzido por joão melo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Medicamentos para tratar transtorno obsessivo-compulsivo
Utilize medicamentos para tratar o transtorno obsessivo-compulsivo

O transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) pode variar de leve a extremamente severo, em intensidade. Pessoas com transtorno de moderado a severo podem achar que os sintomas interferem muito em suas vidas. Para esses, intervenção médica pode ser necessária. Felizmente, psiquiatras podem, agora, utilizar medicamentos para tratar a condição.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

    Utilize medicamentos para tratar transtorno obsessivo-compulsivo

  1. 1

    Vá a um psiquiatra. Eles são treinados para saber exatamente quais medicamentos usar no tratamento do transtorno.

  2. 2

    Consiga a prescrição para um inibidor de recaptação de serotonina. Trata-se de um medicamento considerado como primeira escolha em casos de TOC. As drogas inibitórias incluem o Luvox e o Prozac.

  3. 3

    Experimente um opioide. Opioides como o Darvocet demonstraram efetividade no tratamento de TOC. Eles podem ser boas opções, se os inibidores de recaptação da serotonina não funcionarem.

  4. 4

    Tome inositol. Ele é um açúcar natural encontrado em produtos com muitas fibras. Estudos recentes mostraram que o inositol possui efeito positivo na diminuição dos sintomas do TOC.

  5. 5

    Experimente a erva-de-são-joão. Apesar de sua efetividade no tratamento de TOC ser duvidosa, muitos pacientes alegam ter funcionado. Se todo o resto falhar, a erva-de-são-joão pode ser uma opção.

Dicas & Advertências

  • Não espere que os medicamentos funcionem rapidamente. A maioria dos destinados ao TOC, especialmente os inibidores, leva de semanas a meses para realmente começarem a dar resultados notáveis.
  • Se você apresenta reações adversas aos remédios, avise ao seu psiquiatra imediatamente, de preferência antes de continuar tomando a medicação.
  • Consulte-se regularmente com seu psiquiatra enquanto estiver tomando os medicamentos para TOC. Assim que o médico encontrar um que funcione, suas consultas devem passar para três a quatro por ano.
  • Por conta do risco de vício, seu psiquiatra pode ficar relutante em prescrever opioides (que simulam narcóticos) para você, a não ser como última medida.
  • Talvez tenha que tentar vários inibidores de recaptação da serotonina antes de encontrar um que funcione. As pessoas apresentam respostas variadas a essas drogas. Você pode reagir mal a um ou ser muito sensível a outro. Seu médico vai continuar ajustando sua medicação e o quanto dela você ingere, até que uma seja a certa.
  • Não pare de tomar os remédios para TOC por conta própria. A ingestão da maioria deles deve ser parada gradualmente sob supervisão médica.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível