O que ocorre no centro do sol?

Escrito por drew lichtenstein | Traduzido por ricardo soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que ocorre no centro do sol?
A fusão nuclear é o processo que abastece o centro do sol (Comstock/Comstock/Getty Images)

O processo primário que ocorre no centro do sol é a fusão nuclear, a qual é o que abastece o sol e faz com que ele emita a energia que alimenta os ecossistemas da Terra. No entanto, a fusão nuclear não é um processo infinito, pois eventualmente acabará, resultando na morte do sol.

Outras pessoas estão lendo

Fusão nuclear

A fusão nuclear é o processo em que dois átomos se juntam para formar um novo átomo. No centro do sol, quatro átomos de hidrogênio e dois elétrons (um átomo de hidrogênio tem um próton e nenhum nêutron) se unem para formar um átomo de hélio (que tem dois prótons e dois nêutrons). Como um subproduto da fusão nuclear, seis fótons e dois neutrinos são liberados. Os fótons são a propriedade básica da luz e chegam à Terra na forma de luz solar; os neutrinos são partículas quase sem massa que podem passar por quase tudo.

Condições no núcleo

A fusão nuclear não pode ser produzida na Terra, principalmente porque as condições necessárias para que isso ocorra são tão extremas que elas só podem ocorrer no núcleo de uma estrela. A temperatura no centro do sol é acima de 15 milhões Kelvin, e tem um centro de gravidade extremamente denso. A gravidade intensa faz com que os átomos se dividam em elétrons e prótons individuais e, então o movimento constante causado pela alta temperatura faz com que eles se recombinem durante a fusão nuclear.

Formação do sol

Uma estrela como o sol nasce quando a matéria interestelar consistida por gás (principalmente hidrogênio) e partículas de poeira começam a se aglomerar, eventualmente formando o núcleo. As estrelas começam como uma espécie de nuvem (também conhecida como nebulosa), mas, eventualmente, forma-se uma massa densa no meio da nuvem. A atração gravitacional dessa massa atrai a matéria interestelar circundante. À medida que ela fica mais massiva, libera mais energia até que esteja eventualmente produzindo hélio em seu núcleo.

Morte do sol

O sol não pode continuar produzindo fusão nuclear para sempre, pois ele tem apenas um suprimento limitado de hidrogênio. À medida que o sol continua a queimar o seu suprimento, o núcleo se contrairá, mas a sua superfície se expandirá, até que finalmente chegue a um ponto em que a sua superfície se estenda para a Terra (embora isso não ocorrerá por pelo menos cinco bilhões de anos). Quando o hidrogênio no núcleo se esgotar, o núcleo do sol fundirá o hélio em materiais mais pesados​​, como carbono e oxigênio.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível