Um período menstrual pode iniciar depois de uma mulher parar de tomar pílulas de progesterona?

Escrito por josh baum | Traduzido por débora sousa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Um período menstrual pode iniciar depois de uma mulher parar de tomar pílulas de progesterona?
Entenda os efeitos das pílulas de progesterona (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)

Outras pessoas estão lendo

Sobre a progesterona

A progesterona é um hormônio gerado naturalmente por mulheres sob circunstâncias normais. Os níveis desse hormônio ficam tipicamente baixos no início do ciclo menstrual, mas aumentam gradualmente e atingem o pico durante a menstruação. A progesterona também fica em níveis elevados durante a gravidez. Os suplementos orais desse hormônio são usados ​​no tratamento de uma variedade de condições, incluindo infertilidade, sangramento vaginal anormal e endometriose. Ele também é um componente em muitos contraceptivos orais.

Indução do fluxo menstrual por meio da progesterona

Em muitos casos, uma mulher em idade reprodutiva terá um período menstrual após a interrupção de um regime oral de progesterona. O exemplo mais habitual disso acontece com contraceptivos orais comuns que incluem esse hormônio. As mulheres geralmente tomam três semanas de pílulas ativas, as quais incluem progesterona, e, então, mudam para pílulas de placebo por uma semana, as quais permitem que o período menstrual comece. Em alguns casos, pode ser prescrito um regime que não inclua um ciclo de pílulas de placebo. Nesses casos, a mulher não terá quaisquer períodos menstruais até que o regime do hormônio seja interrompido. Contanto que o sistema reprodutivo da mulher esteja funcionando normalmente, ela voltará a ter períodos mensais após a interrupção do tratamento com progesterona. Se houver anormalidades no sistema reprodutivo, o fato de os períodos menstruais retornarem ou não dependerá das especificidades delas.

Tipos de progesterona

As pílulas de progesterona são a forma mais comum do hormônio. Além da contracepção oral, há outros medicamentos, como o Provera, que são usados ​​mais comumente para tratar doenças e distúrbios a curto ou longo prazo. O Provera pode ser prescrito para tratar sintomas graves da menopausa, endometriose e câncer de endométrio. Além disso, ele normalmente faz parte da terapia de reposição de estrogênio, a qual pode aumentar o risco de endometriose. A progesterona também está disponível em loção, injeção intramuscular e creme ou supositório vaginal. Todas essas formas têm diferentes taxas de absorção e tendem a ser menos eficazes do que a progesterona oral. No entanto, o médico pode prescrevê-las de acordo com as características particulares de determinada paciente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível