Plantas perenes que crescem na sombra

Escrito por vern hee | Traduzido por caio nóbrega
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Plantas perenes que crescem na sombra
O sagueiro tolera o calor do deserto (palm image by Dave from Fotolia.com)

As plantas perenes que crescem na sombra seca podem crescer na floresta e tomar o calor do verão. Elas normalmente são plantas que são tolerantes à seca e podem suportar a sombra da floresta. Para encontrá-las você pode procurar nas matas nativas os espécimes que podem sobreviver a esses parâmetros. Estas são plantas que desenvolveram espessa folhagem, raízes largas e folhas alongadas ou alargadas. Muitas dessas listadas são tropicais e têm sido utilizadas em jardins de deserto e têm demonstrado resistência ao calor.

Outras pessoas estão lendo

Viburno

O viburno é uma espécie arbustiva altamente adaptável para a paisagem caseira que tolera uma sombra parcial. Eles podem ser aparados e mantidos como arbustos e alguns podem até serem conservados como árvores. Dependendo da variedade e localização, os viburnos podem ser um arbusto perene. Os arbustos têm folhas ovais escuras de até oito centímetros de comprimento. As flores surgem em grupos na primavera e são pequenas de cor branca ou rosa. Estes arbustos são tolerantes à seca e podem ser plantados em pleno sol ou em sombra parcial. O viburno é um arbusto abundante no deserto de Mojave, em Las Vegas.

Poejo ocidental

O poejo ocidental (Monardella lancelota), nativo da Califórnia, é tolerante à seca e amante da sombra. Esta planta tem uma flor roxa com um aroma de hortelã. O poejo é um membro da família da hortelã e pode ser encontrado nas colinas da Sierra Nevada, nos Estados Unidos. A planta é um arbusto de crescimento baixo que varia de 15 a 60 centímetros de altura. Ela atrai abelhas, pássaros e borboletas. Plante o poejo em solo rico e bem drenado.

Palmeira-sagu

A palmeira-sagu (Cycas revoluta), uma das árvores mais primitivas do mundo, suporta o calor do deserto. Como árvores de ginkgo, que existem desde os tempos pré-históricos, as origens do sagu remontam a mais de 200 milhões de anos atrás. O sagu é uma árvore perene subtropical que tolera a sombra, mas prefere o pleno sol. A árvore prefere temperaturas entre -9 a 37 graus. As folhas imitam as de uma samambaia e possuem de dois a três metros de comprimento. O sagu, árvore de crescimento lento, pode chegar aos 3 metros de altura. Ela pode ser um ótimo ornamento. Alguns exemplares têm vivido por mais de 220 anos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível