Mais
×

Plantas perenes que mudam de cor

Atualizado em 21 março, 2017

Até mesmo as plantas perenes não são imunes às mudanças climáticas quando o inverno se aproxima. As plantas caducifólias, devido ao clima frio e à diminuição da luz solar, são mais suscetíveis às mudanças de cor que acontecem através de um processo químico e terminam com a morte da folhagem. Já as perenes passam pelo esgotamento da clorofila e respondem ao outono com mudanças de cores mais sutis até a primavera. Em vermelho sutil, marrom-arroxeado e puro marrom, as plantas perenes se transformam em uma mistura de tons rica que suaviza a cor monocromática do inverno.

A nandina é um arbusto perene (lucky bamboo image by BlueMiniu from Fotolia.com)

A nandina

Apesar da possibilidade de alcançar 3 m de altura, a nandina -- Nandina domestica -- é classificada como um arbusto. A folhagem dessa planta perene muda de cor no outono e se transforma em um tom vermelho escuro; já as folhas novas ganham uma coloração rosada. A planta não é resistente ao frio intenso e é mais cultivada como cercas-vivas em lugares de clima temperado.

Uva-do-oregon

A uva-do-oregon -- Mahonia auifolium -- é nativa das florestas do noroeste do Pacífico e, frequentemente, é usada como ornamento em jardins. A folhagem dessa planta perene é semelhante à do azevinho e ela nasce com uma tonalidade dourada que muda para o verde escuro. No outono, a folhagem dessa planta escurece e se torna um lindo roxo com reflexos marrons. A espécie irmã, Mahonia nervosa, também sofre mudança de coloração, transformando-se em vermelho-vinho no outono.

A uva-do-oregon é uma planta de cobertura de solo (oregon irises, oregon rocks image by Carbonbrain from Fotolia.com)

Abélia

A abélia -- Abelia x grandifora -- é um arbusto perene com densa folhagem verde que pode alcançar até 1,80 m de altura. Os jardineiros a usam como sebes e cercas-vivas. As folhas escurecem no outono e adquirem tons de roxo e marrom.

Rododendro

Flor do estado de Washington, nos Estados Unidos, o rododendro produz lindas flores em cores ricas durante as estações. No inverno, a folhagem resistente e brilhosa muda de cor. Dependendo da espécie, as folhas de um rododendro podem se tornar douradas, vermelhas, marrons ou adquirir uma combinação de cores, que permanece até a primavera. As espécies perenes de azálea, arbusto membro do gênero Rododendro, podem sofrer mudanças similares na folhagem durante o outono.

Os rododendros prosperam em climas úmidos e temperados (rhododendron image by Anja Langner from Fotolia.com)

Árvores perenes

Muitas árvores perenes mudam de cor no outono, mas normalmente não adquirem tonalidades muito bonitas. As árvores pequenas, como o cedro-vermelho -- Juniperus virginiana --, tendem a ficar marrons com a dormência devido ao inverno. Muitas espécies de pinheiros selvagens, cedros e abestos perdem folhas no outono e inverno, transformando os ramos verdes em amarelos e marrons, para a decepção de muitos que procuram por uma árvore de Natal perfeita.

As árvores perenes podem ficar amareladas no inverno (pine trees image by Radoslav Lazarov from Fotolia.com)
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article