Mais
×

Como pontuar um poema

Atualizado em 17 abril, 2017

Apesar da pontuação de um poema poder assumir qualquer desejada pelo autor, há algumas orientações que podem ajudar aqueles que se sentirem inseguros. Há seis formas básicas de pontuação usadas em poemas: ponto, ponto e vírgula, vírgula, ponto de interrogação, ponto de exclamação e travessão. Com cada forma diferente de pontuação vem um sinal diferente para o leitor; estar ciente destes sinais que você dispõe enquanto autor é a chave para se imprimir o tom desejado e dar movimento ao poema em geral.

Instruções

Vírgulas servem para formarem uma breve pausa em um poema fluido (Comstock Images/Comstock/Getty Images)
  1. Aplique um ponto para fazer uma pausa completa. Em termos poéticos, um ponto colocado no final de uma linha é referido como ponto final. Uma linha com fim pede por uma pausa definida na recitação do poema, um momento para se respirar profundamente antes de prosseguir para a próxima linha. Um ponto é a pausa mais completa permitida em um poema; se usado no meio da linha, ele cria uma cisão, ou uma pausa extensa.

  2. Faça uma pausa estendida, mas não completa, com um ponto vírgula. Esta pontuação liga duas ideias compartilhadas; em poesia, um ponto vírgula significa que o leitor deve pausar, mas não completar uma respiração, pois a próxima linha estará diretamente conectada com a que acabou de ser lida. Cisão também pode ser criada com um ponto vírgula.

  3. Faça uma pequena pausa na dinamicidade do poema com uma vírgula. Elas são a forma mais fraca de pontuação, pois uma vírgula não é forte o suficiente para estruturar uma sentença completa.

  4. Use um ponto de interrogação ou exclamação para adicionar ênfase. Em poesia, estes são alguns dos pontos menos usados, o que significa que eles só devem ser usados em ocasiões especiais.

  5. Insira um travessão quando precisar de uma pausa que requer mais ênfase que uma vírgula, mas não uma parada total.

Dicas

  • Familiarize-se com outros poemas para determinar seu estilo de pontuação. Em um guia de análise de poesia, a Universidade do Texas sugere perguntar-se sobre o efeito que a pontuação terá na velocidade do poema e na maneira que ele será lido. Pense neste aspecto quando fizer sua própria poesia.
  • Pontuação, especialmente em versos livres, não precisa seguir regras convencionadas. Se escrever um poema abstrato, tente experimentar formas diferentes de pontuação.
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article