Qual foi a primeira barra de chocolate inventada?

Escrito por liz jones Google | Traduzido por alice matos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Qual foi a primeira barra de chocolate inventada?
As primeiras barras de chocolate foram inventadas há menos de 200 anos (Pixland/Pixland/Getty Images)

A origem dos doces em barras depende do tipo de barra que está sendo discutida. De acordo com History of Candy (ver referências abaixo) os primeiros seres humanos faziam doces com mel secando-o e formando uma mistura parecida com um puxa-puxa. Entretanto, a maioria das pessoas pensa em chocolate quando se fala sobre barras de doce, e a de chocolate foi inventada há menos de 200 anos atrás. Antes disso, as pessoas bebiam chocolate, mas não pareciam considerar solidificá-lo. Hoje, a maioria das barras de doce é feita de chocolate; no entanto, menta, amendoim, geleia e puxa-puxa também são ingredientes comuns a elas.

Outras pessoas estão lendo

Fatos

De acordo com o Great Idea Finder (ver referências abaixo), as barras de chocolate foram inventadas por Joseph Fry, em 1847, quando ele misturou manteiga de cacau e cacau em pó para criar uma pasta que ele então colocou em um molde. Foi um sucesso imediato, e as pessoas exigiam a mistura. Ele fez este doce com chocolate meio amargo, já que o ao leite ainda não havia sido inventado. De acordo com a National Confectioner’s Association (ver referências abaixo) o chocolate ao leite foi inventado por Henry Nestlé, em 1875. A NCA também menciona que o chocolate, como bebida, era um dos favoritos de Montezuma, imperador dos astecas. Henry Cortez trouxe o chocolate como bebida de volta para a Espanha em 1529, mas ninguém pensou em usá-lo como um doce sólido por mais 300 anos.

História

Em 1849, John Cadbury criou uma barra de chocolate para sua empresa. Elas eram feitas de chocolate meio amargo. No entanto, isso mudou em 1875, quando Henry Nestlé e Daniel Peter inventaram o chocolate ao leite. Rudolph Lindt adicionou manteiga de cacau à mistura em 1879 e criou a primeira barra de chocolate que se quebra e derrete na boca. Em 1893, Milton S Hershey viu o maquinário para doces na World’s Fair de Chicago e decidiu adicioná-lo à sua fábrica. Em 1894, ele começou a produção em massa das primeiras barras de chocolate em sua fábrica em Lancaster, Pa. Com o advento da Primeira Guerra Mundial, o Exército dos EUA comprou e distribuiu barras de doces para as tropas que lutavam na guerra. Quando os soldados retornaram, eles queriam as barras em casa, então as empresas de doces assumiram a produção em massa e adicionaram mais variedades delas. Hoje, existem milhares de tipos diferentes de doces em barras disponíveis para venda.

História de outras barras de doces

O milho doce é embalado em pacotes de cerca de 30 g e vendido como barra. Em 1880, a Wunderle Candy Company colocou esse produto no mercado. Apenas em 1898 as pessoas começaram a usar milho em doces no Dia das Bruxas. Em 1901, as bolachas tipo waffer NECCO foram inventadas. Elas são peças individuais redondas de doces de hortelã vendidas em pacotes de 30 g como barra. Em 1905, a Squirrel Brand Company inventou a primeira barra de manteiga de amendoim. 1921 trouxe a criação de Chuckles, marca de balas de goma. Em 1923, Bits-of-Honey, um doce puxa-puxa, fez sua estreia no mercado.

Atenção

A invenção de barras de doce levou à proliferação da substituição de lanches saudáveis por elas. Doces são gostosos e fáceis de pegar e comer em qualquer lugar.

Novos avanços

De acordo com um relatório recente no site da indústria FoodBev.com, o negócio de doces tem ido bem durante a recente recessão, pois proporciona "luxos acessíveis." Além disso, há as barras mais focadas em estilos de vida saudáveis, como as embalagens extra-pequenas para "controle de quantidade" e os com níveis mais elevados de cacau, pensados para serem ricos em antioxidantes.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível