Quais são os perigos de ligar carros antigos que precisavam de manivela?

Escrito por joan mansson | Traduzido por jonatan franco
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os perigos de ligar carros antigos que precisavam de manivela?
Antes de 1912 os automóveis necessitavam de ​​manivelas para serem ligados (vintage car image by itsallgood from Fotolia.com)

Ligar um carro hoje em dia é muito fácil. Basta sentar-se atrás do volante, girar a chave e ouvir o ronco do motor, mas infelizmente nem sempre foi assim. Antes da partida elétrica nos motores, que foram introduzidas pela Cadillac em 1912, as pessoas tinham que sair do carro, inserir uma manivela na parte dianteira do motor abaixo do radiador e girá-la com a mão até que o motor ligasse. Este processo era inconveniente, difícil e às vezes perigoso.

Outras pessoas estão lendo

Carro sem freio

O carro pode acabar atropelando você. Para evitar isso, acione o freio de mão de emergência e coloque a alavanca da transmissão no ponto morto antes de ficar na frente do veículo. Estas também são as etapas necessárias para ligá-lo.

Dando partida no motor

As instruções para o Ford Model T especificam que deve ser usada a mão esquerda na hora de ligar o carro. Segure a alavanca da manivela com sua mão esquerda sem colocar o polegar sob a alça. Isto torna mais fácil soltar a manivela quando o motor ligar e faz com que o motorista tenha uma segurança a mais.

A manivela não se solta

Depois que o motor ligar, a manivela deverá soltar-se facilmente do virabrequim. Isso nem sempre acontece, fazendo com que o motorista possa quebrar um polegar, braço ou pulso se estiver segurando a manivela com a mão errada ou da maneira errada.

Fratura do Chauffeur

A fratura Hutchinson ocorre quando o osso radial quebra. Também conhecida como "fratura do chauffeur" ou "fratura do motor", esta lesão descrita acontecia com motoristas que utilizavam a manivela em automóveis.

Quais são os perigos de ligar carros antigos que precisavam de manivela?
Fratura do Chauffeur (ulnar fracture image by Dr Cano from Fotolia.com)

Resolvendo o problema

As lesões mais comuns incluem pulsos e braços quebrados, e já ocorreram tantas vezes que várias empresas de automóveis tentaram introduzir chaves ou modificar os motores para evitar ferimentos ao condutor. Em última análise, o motor de partida elétrica evitou tais lesões. Mas ainda existem muitas pessoas que gostam de restaurar estes veículos antigos, que ainda tem sua partida feita à moda antiga.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível