Quais técnicas de fisioterapia curam o plexo braquial?

Escrito por stephanie romo | Traduzido por luis fernando dias carvalho
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais técnicas de fisioterapia curam o plexo braquial?
Um dano no plexo braquial é mais comum em recém-nascidos (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

O plexo braquial é um grupo de feixes de nervos responsável por conduzir sinais nervosos da espinha dorsal até o ombro, o braço e à mão. Médicos categorizam um dano ao plexo braquial baseando na gravidade do dano ao nervo. Sob as instruções de um médico e de um fisioterapeuta, exercícios fisioterápicos podem ajudar a curar as fibras nervosas danificadas. Esses exercícios geralmente dão ênfase em exercícios de amplitude de movimento, podem acelerar o tempo de recuperação e aumentar as chances de a função normal do nervo estar completamente restaurada.

Outras pessoas estão lendo

Diagnóstico

Se suspeitar de um dano no plexo braquial, é importante consultar seu médico, de forma que possa determinar a gravidade do dano. Sinais de dano no plexo braquial incluem fraqueza ou torpor do braço ou da mão, ou uma pontada que possa irradiar até o braço. Um dano mais extremo pode deixar o braço ou ombro totalmente paralisado. A gravidade de um dano no plexo braquial pode ser desde uma leve inflamação a uma total ruptura da raiz do nervo. Em casos menos graves, a fisioterapia pode ser a forma de curar o dano ou recuperar a sensibilidade normal ou a mobilidade.

Técnicas

Exercícios de amplitude de movimento são extremamente importantes para cura o nervo danificado do plexo braquial. Esses exercícios terapêuticos facilitam a sinalização e a condução nervosas, bem como promovem um aumento de fluxo sanguíneo ao dano, permitindo que local do dano seja curado mais rapidamente. Exercícios como flexão, extensão e rotação de ombro são importantes para melhorar a função muscular da parte superior do braço. Supinação e pronação do antebraço e circundução do punho é bom para mobilidade articular.

Período de cura

Devido à natureza das células que dão origem aos nervos, curar dano no plexo braquial pode levar um certo tempo. A regeneração do nervo pode ser um processo lento e, dependendo da extensão do dano, o reparo das células nervosas do plexo braquial pode levar até quatro meses. É importante exercer paciência durante o período de cura e manter-se ativo no programa de fisioterapia para restaurar as funções ótimas do braço e da mão.

Cirurgia

Pode haver casos em que a fisioterapia não seja suficiente para curar um dano no nervo braquial. Em caso de ruptura total dos nervos, a única forma para reverter o dano é através de cirurgia. É por isso que se deve ter seu suspeitado dano no nervo braquial inspecionado por um médico. Se precisar de cirurgia é provável um programa fisioterápico de reabilitação dará continuidade.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível