Lazer e cultura

Receita econômica para fazer whisky caseiro

Escrito por colette larson | Traduzido por kelly isay
Receita econômica para fazer whisky caseiro

eHow Brasil

Knartz/iStock/Getty Images

O whisky é geralmente definido como uma bebida alcoólica derivada da fermentação de grãos triturados, principalmente de cevada, milho, centeio e trigo. Embora ilegal nos Estados Unidos, destilar whisky em casa é um hobby que vem lentamente ganhando popularidade por lá. O processo de destilação aumenta a quantia de álcool da mistura. Ele consiste em aquecer o líquido até a evaporação e condensá-lo de volta ao estado líquido, permitindo aumentar a concentração de álcool resultante da fermentação.

Outras pessoas estão lendo

Obtenha um destilador

Várias empresas fabricam destiladores apropriados para uso doméstico, mas você mesmo pode fazer o seu, se preferir. Os alambiques são frequentemente usados para produzir whisky ou aguardente. São neles que os destilados ganham seu sabor característico. Já os destiladores de refluxo ou de fracionamento são usados para fazer um álcool neutro que é utilizado depois do processo de destilação. Certifique-se de que seu destilador seja feito de cobre ou metal inoxidável. O uso de aparelhos de destilação feitos de alumínio ou estanho irá gerar um álcool que pode causar cegueira e outras doenças.

Reúna os ingredientes

Para fazer whisky tradicional, seu ingrediente principal será o grão de trigo ou o centeio. Diferentes grãos produzem diferentes tipos de álcool: melaço ou cana-de-açúcar podem produzir o rum; já o caldo-de-cana é usado para fabricar a cachaça; milho é a base de "moonshine"; por sua vez cevada ou arroz fermentados produzem a cerveja; uvas fazem o vinho; suco de maçã é a matéria-prima da cidra; arroz pode ser usado para produzir saquê; e centeio ou batatas são a base da vodka. Para um whisky básico de centeio, você precisará de 3,2kg de centeio, 1kg de cevada, 500g de malte, 3g de levedura e 1g de fluoreto de amônio.

O processo de fermentação

Em seis galões de água aquecidos a 20° C adicione o malte e o grão enquanto agita a mistura. Continue mexendo enquanto aumenta a temperatura em cinco graus a cada dois minutos. Faça isso até que a mistura alcance os 70° C. Mexa constantemente por duas a três horas a essa temperatura. Isso irá converter o amido em um líquido açucarado fermentável e dextrina. Filtre o líquido e despeje-o na cuba de fermentação. Assim que a mistura esfriar até uma temperatura entre 20 e 26° C, adicione os 3g de levedura para fermentar os grãos e o 1g de fluoreto de amônio, para impedir fermentação adicional e contaminação. Mexa por mais um minuto para obter uma mistura mais homogênea. Feche a cuba com uma eclusa de ar e deixe fermentar por cinco a sete dias.

Destilando o álcool

Despeje o líquido fermentado no destilador, filtrando-o com um pano para remover qualquer partícula sólida. O destilador irá, então, separar o álcool da água. Não há uma quantidade certa de tempo para destilar álcool. Algumas pessoas destilam por dez horas, enquanto outras continuam o processo por cem dias. A regra geral é que, quanto mais longo é o processo de destilação, mais forte é o álcool. Uma vez que você termina a destilação, descarte os primeiros 100 a 200 mL do destilado para remover todos os resíduos perigosos, incluindo o metanol. Dilua quanto for necessário para obter uma solução adequada para beber, geralmente em 20 a 40%. Armazene o whisky em jarras vedadas para que envelheça e quando a hora chegar, aproveite sua bebida caseira.

Não deixe de ver

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media