Como resolver problemas de bobinas de ignição Johnson

Escrito por will charpentier | Traduzido por luiz carlos de frança júnior
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como resolver problemas de bobinas de ignição Johnson
Bobinas de ignição Johnson (Remonte filet image by Loic LE BRUSQ from Fotolia.com)

A maioria dos navegadores não possui o equipamento que um profissional utiliza para testar as bobinas de um motor de popa da Johnson. O que a maioria dos velejadores tem é um multímetro digital. Quando fala-se sobre "as bobinas", refere-se sobre as bobinas de ignição primária e secundária. Deve-se testar as bobinas com o multímetro. Se as leituras no multímetro digital estiverem fora dos limites estabelecidos para o motor, assegure que o teste seja realizado corretamente e novamente teste a bobina.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Multímetro digital

Lista completaMinimizar

Instruções

    Bobina primária

  1. 1

    Desligue o fio primário da bobina de ignição. Selecione a opção "resistência" na escala do multímetro digital. Aterre o fio negativo, se a bobina estiver instalada no motor ou sobre a própria bobina, se ela não estiver instalada no motor. Ligue o fio vermelho no terminal principal, o terminal pequeno no qual o fio se liga normalmente.

  2. 2

    Leia o multímetro. A resistência deve estar entre 0,05 ohms e 0,15 ohms para motores de dois tempos, com exceção dos motores de três cilindros com 25 e 35 cavalos de potência construídos antes de 2000, e em todos os motores carburados de quatro tempos a resistência deve estar entre 0,23 ohms e 0,15 ohms. No ponto de ignição do disjuntor de motores de dois tempos a resistência da bobina primária deve estar entre 0,7 ohms e 1,1 ohms.

  3. 3

    Teste novamente a bobina primária. Se os testes estiverem fora da especificação, certifique-se que os cabos e os conectores estejam conectados corretamente. Verifique se o chão estava sem pintura. Se não conseguiu localizar nenhuma causa externa para as leituras terem dado errado, substitua a bobina.

    Bobina secundária

  1. 1

    Selecione a opção "resistência" na escala do multímetro digital. Deslige os fios da bobina secundária e conecte um fio do multímetro no conector da bobina primária e o outro na secundária.

  2. 2

    Observe a leitura do multímetro. Se houver uma segunda vela de ignição para bobinas de duas velas de ignição, altere a vela de ignição primária e a secundária. A resistência deve estar entre 225 ohms e 325 ohms para todos os motores, exceto para os de dois tempos de 25 e 35 cavalos de potência construídos entre 1995 e 1999. Nesses motores, a resistência deve estar entre 2.000 ohms e 2.600 ohms.

  3. 3

    Confirme as conexões e as leituras, se a bobina testada estiver fora da especificação. Substitua a bobina de ignição, se as leituras bobina primária e as da secundária estiverem fora da especificação, contando com que as conexões e os procedimentos tenham sido realizados corretamente.

Dicas & Advertências

  • Na maioria dos modelos carburados (exceto aqueles com ignições ponto disjuntor), é melhor remover a vela antes de verificar as bobinas de ignição. As velas de ignição desses modelos devem ter pouca ou nenhuma resistência quando em bom estado, mas a deterioração, a idade ou os problemas com os conectores podem causar leituras elevadas, que podem prejudicar o teste de uma bobina em bom estado. Nos modelos de ponto de disjuntores, testa-se a bobina com o condutor secundário ligado, por isso levam-se as especificações em consideração.
  • Em contraste, motores EFI são testados com os condutores secundários (motores de 70 cv) ou os conectores instalados (motores de 40 e 50 cv). Nos dois casos, qualquer resistência da ligação secundária ou do conector foi levada em consideração com a especificação da resistência. As ligações secundárias para motores de 70 cavalos de potência conduzem resistência e devem produzir entre 2.500 ohms e 4.100 ohms de resistência, quando em bom estado. As ligações podem ser verificadas individualmente, para garantir que obedeçam às especificações.
  • Desligue o cabo negativo da bateria antes de realizar qualquer trabalho de manutenção em seu motor de popa, para evitar choque elétrico ou partida acidental. Remova a porca do polo negativo com uma chave estrela 13 cm. Levante o cabo da bateria, mova-o para fora da caixa da bateria e feche a tampa.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível