Tipo de sedativo para o procedimento de colonoscopia

Escrito por christine lebednik | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tipo de sedativo para o procedimento de colonoscopia
A maioria dos protocolos de colonoscopia envolve o uso de sedação (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Sendo um procedimento invasivo, a maioria dos protocolos de colonoscopia envolve o uso de sedação, embora em casos raros os pacientes possam escolher abster-se dessa sedação se as reações adversas da medicação participarem significativamente de sua história pessoal. É mais comum que os médicos usem medicações intravenosas, em geral benzodiazepina ou propofol. Outro potencial é a sedação inalada de óxido nitroso. A hipnose oferece outra opção para alguns pacientes. Finalmente, alguns desenvolvimentos promissores têm aparente associação com a redução da quantidade de sedação ou de outra medicação necessária.

Outras pessoas estão lendo

Benzodiazepina intravenosa

Uma sedação comum usada para colonoscopia é a benzodiazepina, administrada por via intravenosa. O médico pode ministrar apenas esse sedativo ou combiná-lo com um narcótico. Os narcóticos usados mais frequentemente são o midazolam e o diazepam. Como eles podem ter efeitos colaterais, o paciente deve discutir completamente essas opções com o médico.

Propofol

O propofol, também chamado de Diprivan, pode ser usado como medicação sedativa durante uma colonoscopia. Uma vantagem dessa escolha é a tendência dos pacientes a se recuperar mais rapidamente. Esse fármaco é mais potente que outros tipicamente usados durante o procedimento.

Óxido nitroso

Uma alternativa à sedação com benzodiazepina e propofol, administrados por via intravenosa, é o óxido nitroso inalado. Também conhecido como "gás hilariante"; não mantém os pacientes de colonoscopia totalmente livres de dor, como as sedações intravenosas. Mas, com essa opção, a recuperação é mais rápida. Além disso, pode representar uma alternativa mais segura aos indivíduos com sensibilidade aos sedativos intravenosos de uso mais frequente ou para aqueles com histórico geral de sensibilidade a múltiplas medicações e que possam ter previsto as reações ao medicamento, até na ausência de sensibilidade conhecida a determinadas drogas.

Hipnose

Outro desenvolvimento promissor, em termos de protocolos alternativos mais seguros de colonoscopia para indivíduos com sensibilidade à medicação, é o uso da hipnose como técnica de sedação durante esse procedimento.

Duas considerações relacionadas

Embora não sejam, diretamente, técnicas de sedação por si sós, três fatores específicos são significativos, pois podem propiciar alternativas mais seguras às pessoas cujos históricos individual e familiar contraindicam as medicações. Um desses fatores é o protocolo da combinação do procedimento de colonoscopia com a sedação consciente. Um estudo recente mostrou que ouvir música durante o procedimento permitiu aos pacientes tolerarem a colonoscopia com uma dose menor de sedação. Outro protocolo promissor é o analgésico administrado pelos próprios pacientes, que permite que indivíduos submetidos a colonoscopias sem sedação (ou com sedação consciente) autoadministrem a medicação para dor. Por fim, embora seja incomum que os pacientes queiram isto, alguns se submetem à colonoscopia sem qualquer medicação. É outra opção que pode aumentar seriamente a segurança dos indivíduos com histórico de fortes reações adversas a medicações.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível