As sequelas deixadas pela violência doméstica e a dependência econômica em relação ao marido agressor

Escrito por paul young | Traduzido por ricardo torres iupi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
As sequelas deixadas pela violência doméstica e a dependência econômica em relação ao marido agressor
Ao sofrer violência doméstica, todas as mulheres devem procurar a polícia imediatamente (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

As mulheres que sofrem violência doméstica enfrentam muitos obstáculos que as impedem de escapar de um relacionamento abusivo. Os terríveis efeitos desse tipo de relacionamento podem deixar uma mulher dominada pelo medo, culpa, raiva, isolamento e uma dependência econômica em relação ao seu agressor.

Outras pessoas estão lendo

Medo

Muitas mulheres agredidas vivem diariamente em um mundo dominado pelo medo, enfrentando um espectro sombrio de abuso, uma vez que sabem que a qualquer momento podem ser violentadas novamente. Viver com esse tipo de medo e ansiedade pode paralisar uma mulher, fazendo-a permanecer com o agressor e se sujeitando a novos abusos e dominações. Esses sentimentos também podem se espalhar para outras áreas de sua vida, dando-lhes uma sensação de insegurança com as tarefas diárias, mesmo que sejam simples; isso pode criar um ciclo vicioso no qual a vítima se torna dependente do agressor.

Culpa

Muitas mulheres agredidas passam a ter um sentimento de culpa devido aos episódios de abuso. Elas, tradicionalmente, acreditam que o papel da mulher em um relacionamento é nutrir e promover a harmonia dentro de uma família. Por isso, quando surge um conflito, ela pode sentir que é a única culpada. Esse jogo de auto-culpa pode levar uma mulher a acreditar que, de alguma forma, ela é a única responsável pela violência que recebe, se vendo assim como uma esposa ou mãe inadequada. Enfim, as mulheres com essa mentalidade, ao invés de abandonarem esse relacionamento, tendem a procurar maneiras que possam melhorar a si mesmas, a fim de interromper o abuso.

Isolamento

O isolamento é um efeito que a maioria das mulheres agredidas enfrentam, ficando isoladas para enfrentar o abuso sozinhas, não havendo apoio da família, amigos e outros meios. O isolamento ocorre porque as mulheres sentem vergonha por terem sido violentadas​​, o que as obriga a cortar os laços com amigos e familiares para esconder os ferimentos e as dores que estão sentindo. Às vezes, o próprio agressor promove o isolamento ao não permitir que sua esposa trabalhe ou visite seus amigos e familiares, garantindo assim que a mulher agredida seja dependente e fique sob seu controle.

Dependência econômica

As sequelas causadas pela violência doméstica podem levar a um dependência econômica em relação ao agressor, prendendo essa mulher ainda mais nesse relacionamento abusivo. É frequente o fato de que, em casamentos abusivos, o marido é quem está no controle de todo o dinheiro, mantendo todos os títulos de propriedade em seu nome. O agressor mantém a esposa ignorante com relação às finanças da família, apenas lhe dando uma mesada semanal. De todos os efeitos traumáticos desse tipo de agressão, a dependência econômica pode ser o mais grave, que determina, ou não, se ela permanecerá no relacionamento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível