Técnicas para gerenciamento de conflitos

Escrito por j. lang wood | Traduzido por igor leite
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Técnicas para gerenciamento de conflitos
O uso das técnicas de gerenciamento de conflito ajuda a melhorar as relações de negócios (Meeting image by Mykola Velychko from Fotolia.com)

Conflitos existem onde os interesses, objetivos ou valores das partes colidem completamente ou em parte. O conflito existirá sempre que as pessoas se juntarem em grupos. Eles podem ser resultado de uma comunicação deficiente, liderança fraca, objetivos confusos, pelo sentimento de inutilidade ou por não ser consultado. Bons gerentes são familiarizados com os conceitos básicos do gerenciamento de conflitos e usam essas ferramentas todos os dias, seja para resolver problemas presentes ou para antecipar os futuros.

Outras pessoas estão lendo

Competição

Na técnica de competição, ou "de força", uma parte busca o seu objetivo firmemente, apesar da resistência da outra parte. Isso pode requerer um posicionamento veemente pelos seus direitos e sua posição, resistindo à pressão da outra parte. Apesar de poder afetar negativamente a relação com o outro, isso pode resultar em um aumento da autoestima e do respeito para si. Esse método deve ser usado apenas se os outros falharem ou não estiverem disponíveis, de acordo com o site PersonalityExplorer.com.

Colaboração

Também conhecido como a técnica de "ganhar-ou-ganhar", a colaboração requer uma tentativa de trabalhar com a outra pessoa para encontrar uma solução que satisfaça ambos. A base dessa técnica é ver o conflito como uma oportunidade de identificar preocupações prioritárias e encontrar alternativas que satisfaçam as necessidades de cada parte. A técnica de colaboração reforça a confiança mútua e o respeito, além de construir uma base para soluções similares no futuro. Esse método pode levar mais tempo e esforço do que outras técnicas.

Comprometimento

Essa técnica busca uma satisfação parcial das necessidades de todas as partes. Pode ser o melhor método nos casos onde o problema em questão não justifica maiores esforços, podendo ser usada para atingir soluções temporárias de conflitos complexos. Pode ser usada como um "primeiro passo" nos casos em que partes conflitantes não se conheçam bem. Esse método pode trazer resultados rápidos, quando o tempo for um fator importante para a ação. Ele também baixa a tensão entre as partes. Infelizmente, pode produzir um resultado em que nenhuma das partes fique satisfeita.

Recuar

Essa técnica, também chamada de "evitar", pode ser usada quando o problema é trivial, não compensando um posicionamento mais firme. Ela pode ser usada para adiar uma questão para um momento mais vantajoso. Por exemplo, para um momento quando você estiver preparado e com mais informações que beneficiem a sua posição. Também pode ser usada para quebrar hostilidades sobre problemas pequenos. Apesar de poder baixar o estresse em uma situação, essa técnica pode também enfraquecer a sua posição em futuras negociações.

Suavizar

Também chamada de "acomodação", essa técnica considera o problema das outras partes antes do seu. Pode ser usada para reduzir a tensão em uma negociação e ganhar tempo até que você esteja mais preparado para reagir. Esse método também pode ser usado estrategicamente quando a competição for prejudicial aos seus objetivos. Pode também proteger metas mais importantes, ao mesmo tempo em que permite a terceiros conseguirem outras metas menos importantes. Tal técnica deve ser usada com cautela para prevenir que os outros sempre esperem um comportamento suave em todas as circunstâncias, de acordo com o site ManagementHelp.org. Suavizar também pode ser nocivo aos esforços em equipe do seu grupo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível