Tensão muscular derivada de ansiedade

Escrito por jenny westberg | Traduzido por thiago silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tensão muscular derivada de ansiedade
Muitas pessoas sofrem de estresse, preocupação e ansiedade

Se você sofre de estresse ou ansiedade, a tensão muscular é uma consequência. O instituto nacional de saúde mental norte-americano estima que aproximadamente 40 milhões de adultos no país sofram com ansiedade, que pode levar a tensão muscular e dores. De acordo com o centro médico da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, dores de cabeça decorrentes de tensão são comuns, podendo incluir dores na mandíbula, pescoço e ombros.

Outras pessoas estão lendo

Sintomas

De acordo com o Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders, quarta edição (Manual de diagnósticos e estatísticas de problemas mentais, DSM-IV), a tensão muscular é um possível sinal de desordem de ansiedade generalizada, descrevendo sintomas como dor nos músculos, dores, tremedeiras e espasmos.

Diagnóstico

No livro "Cognitive-Behavioral Treatment for Generalized Anxiety Disorder: from Science to Practice" ("Tratamento comportamental-cognitivo para ansiedade generalizada: da ciência à prática", em tradução livre), Michel J. Dugas e Melisa Robichaud afirmam que a tensão muscular está presente apenas na desordem de ansiedade generalizada e não em outras fobias. Após descartar possíveis causas físicas e outros problemas psicológicos como depressão, médicos e terapeutas confiam muito nos sintomas descritos por pacientes. Ferramentas para diagnóstico incluem entrevistas e questionários.

Medicamentos

Seu médico pode receitar um dentre diversos tipos de medicamentos.

  1. Benzodiazepínicos, como diazepam, alprazolam, clonazepam ou lorazepam
  2. Buspirona ou afins, que não são benzodiazepínicos
  3. Bloqueadores beta, como propranolol ou atenolol
  4. Antidepressivos repressores de recaptura de serotonina como fluoxetina, sertralina, paroxetina, escitalopram ou citalopram
  5. Antidepressivos tricíclicos como amitriptilina, clomipramina, imipramina ou lofepramina
  6. Antidepressivos inibidores de oxidase de monoamina, como isocarboxazida, fenelzina ou tranilcipromina.

Tratamentos não medicamentosos

A administração norte-americana de serviços de saúde mental e abuso de substâncias (SAMHSA, da sigla em inglês) declara que a terapia comportamental cognitiva e biofeedback podem ajudar no alívio da tensão. O relaxamento muscular progressivo, exercícios, alongamentos, yoga, aromaterapia e massagens também podem aliviar os sintomas.

Incompreensão

Além da dor, a tensão pode causar problemas interpessoais. Ulf Lundberg, da Universidade de Escotocolmo, afirmou que pacientes com tensão muscular podem passar a sentir que as outras pessoas não consideram seu problema genuíno e que eles estariam "inventando" essa dor.

Cuidados

Problemas de saúde mais sérios podem causar dor similar à relacionada com a tensão e dores de cabeça causadas por ansiedade. Se a dor persistir ou piorar após o tratamento, consulte seu médico.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível