Como testar a atividade da neurofibromina em uma célula

Escrito por sarah quinlan | Traduzido por luiz neves
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como testar a atividade da neurofibromina em uma célula
A neurofibromina é uma proteína cuja estrutura molecular afeta sua função (aspartame molecule image by Vladislav Gajic from Fotolia.com)

A neurofibrina é uma proteína produzida por muitos tipos de células em seu corpo, incluindo as nervosas e as células de Schwann, que revestem os nervos. As instruções para sintetizar a neurofibromina são fornecidas pelo gene NF1, que se localiza no cromossomo 17. A neurofibromina é importante porque é uma proteína supressora de tumores, que impede o crescimento e divisão descontrolados de uma célula causadora de tumores, como os neurofibromas, e possivelmente um câncer. A neurofibromina faz isso inibindo a função de outra proteína chamada Ras, que promove o crescimento celular. Portanto, um problema nessa proteína pode causar problemas graves, como a neurofibromatose. A capacidade da neurofibromina pode ser testada em laboratório investigando o gene NF1 que a produz, e também como a proteína se comporta.

Nível de dificuldade:
Desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Amostras de células
  • Sequenciador genético
  • Reagentes de laboratório, produtos químicos e equipamento
  • Materiais e equipamentos de Western Blot
  • Materiais imunofluorescentes
  • Microscópio fluorescente
  • Kits de avaliação de proteínas

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Faça o processo laboratorial de sequenciamento de gene NF1 para procurar por mutações. Todos os gentes possuem uma sequência genética específica composta pelas bases nitrogenadas A, C, T e G. O sequenciamento genético envolve a determinação da sequência específica do gene, a sequência normal para uma proteína que funciona normalmente. Procure por mutações, como eliminações ou inserções de nucleotídeos. Esses erros ou mutações na sequência do NF1 geralmente levam a uma versão mais curta da neurofibromina, que não consegue fazer seu trabalho comum de se ligar e inibir a atividade da Ras.

  2. 2

    Teste a atividade da neurofibromina fazendo avaliações como a análise de Western Blot ou imunofluorescência. Certifique-se de ter os materiais e reagentes apropriados para fazê-lo, e siga o protocolo padrão que tiver sido, preferivelmente, publicado. Essas duas técnicas de laboratório permitem a visualização da proteína. O método de Western Blot envolve a retirada das proteínas das células, separando as proteínas por seu comprimento e estrutura, para então usar anticorpos como um contraste e visualizá-las. Avalie a atividade da neurofibromina observando se o tamanho ou a estrutura da proteína é anormal. É importante lembrar que a estrutura tridimensional da proteína é o fator principal de sua função, portanto, se o tamanho ou forma for irregular, ela não funcionará apropriadamente. A imunofluorescência consiste em marcar a proteínas com anticorpos e conjugar essa fluorescência sob comprimentos de onda específicos. Sob um microscópio, olhe para a mancha fluorescente que pode afetar sua função, como sua localização na célula, a concentração da proteína presente e com o que ela pode estar interagindo.

  3. 3

    Faça uma ou mais avaliações do número de proteínas, como a avaliação de Lowry ou de Bradford. Os kits de avaliação de proteínas são vendidos comercialmente por lojas científicas, e fornecem boa parte dos reagentes e protocolos necessários. Essas análises determinam a concentração da proteína em questão. Conhecer a concentração da neurofibromina em diferentes localizações dentro da célula pode levar a uma indicação de sua atividade.

Dicas & Advertências

  • Esses tipos de testes biológicos em proteínas requerem um alto nível de experiência, e são normalmente feitos por cientistas treinados. Eles requerem um manuseio preciso e cuidado para evitar contaminação e obter resultados precisos. Se o tempo e os recursos lhe permitirem, é sempre bom repetir o experimento para verificar se os resultados são críveis.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível