Tipos de Cabos UTP

Escrito por dominic francis | Traduzido por joao marcos padua filho
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tipos de Cabos UTP
O cabos UTP têm vários padrões e são adequados para a maioria das aplicações (Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images)

A sigla UTP significa "Unshielded Twisted Pair" (cabos trançados aos pares sem blindagem. Os cabos UTP têm um bom custo benefício e são flexíveis o suficiente para serem usados na maioria das aplicações necessárias. Há muitos tipos ou níveis de cabos UTP e a maioria deles é tecnicamente avançada em comparação a seus antecessores

Outras pessoas estão lendo

Categoria um

O cabo CAT 1, ou de categoria um, é o que se encaixa melhor para uso na telefonia. Ele não é indicado para transmissão de dados ou uso com Ethernet. É mais usado para fazer fiação local.

Categoria dois

Os cabos CAT 2, ou de categoria dois, são capazes de transmitir dados a até 4 Mbps (Megabytes por segundo). Eles são cabos de segundo nível e eram usados em redes ARCnet e Token Ring algum tempo atrás. Como o cabo de categoria um, o CAT 2 não é adequado para transmissão de dados de Ethernet.

Categoria três

O cabo de categoria três, ou CAT 3, é feito de pares trançados sem blindagem que são capazes de suportar redes 100BASE-T e podem transmitir dados a até 16 Mhz de frequência com velocidade de até 10 Mbps. Ele não é recomendado para uso em novas instalações de redes.

Categoria quatro

Os cabos UTP de categoria quatro, ou CAT 4, são feitos em pares trançados sem blindagem que suportam transmissões de até 20 Mhz. Eles são mais confiáveis que o CAT 3 e podem transmitir dados a até 16 Mbps. Esse tipo é mais usado em redes Token Ring.

Categoria cinco

Os cabos de categoria cinco, ou CAT 5, fazem transmissões de até 100 Mhz a velocidades de até 1.000 Mbps. Esse é um cabo UTP muito comum e adequado para performance com redes 100BASE-T. Ele pode ser usado para redes ATM, 1000BASE-T, 10BASE-T, 100BASE-T e Token Ring. Esses cabos são utilizados para ligar computadores em redes locais.

Categoria 5e

A categoria 5e, ou CAT 5e, é uma versão melhorada da quinta categoria. Suas características são similares às da CAT 5 e suportam transmissões de até 10 Mhz. Essa opção mais adequada para operações com redes Gigabit de Ethernet e é uma escolha excelente para redes 1000BASE-T.

Categoria seis

A categoria seis, ou CAT 6, é um cabo de pares trançados sem blindagem que suporta até 250 Mhz de transmissão. Essa é a sexta geração de cabos para Ethernet. Feito de cobre, ele pode atingir a velocidade de 1Gbs. O cabo CAT 6 é compatível com os CAT 5e e CAT 3. Ele é indicado para redes 1000BASE-T, 100BASE-T e 10BASE-T e têm regras rigorosas para ruídos e interferência.

Categoria sete

A categoria sete, ou CAT 7, é outro padrão sugerido que suporta transmissões de até 600 Mhz. Esse é padrão para transmissões de 10 Gb acima de 100 m de distância. É compatível com as categorias cinco e seis e tem regras mais rigorosas que o CAT 6 para ruídos e interferências.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível