Que tipos de iluminação devem ser utilizados em estufas?

Escrito por alexis writing | Traduzido por leonardo de azevedo prado
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Que tipos de iluminação devem ser utilizados em estufas?
É importante utilizar a iluminação correta em uma estufa (Visage/Stockbyte/Getty Images)

As estufas costumam utilizar uma iluminação especial para manter as plantas bem iluminadas e aquecidas ao longo do ano. O aquecimento, no entanto, não é tudo. O custo-benefício, o tamanho e a aplicação devem ser levados em consideração antes de comprar lâmpadas para estufas. Quado uma estufa é projetada, é absolutamente necessário que o tipo correto de iluminação seja utilizada para obter-se o potencial máximo de crescimento. Contudo, em meio a várias opções de iluminação disponíveis para os horticultores, várias delas se sobressaem. Os tipo de lâmpadas a seguir oferecem opções diferentes e atraentes para estufas e ajudam a garantir o crescimento saudável das plantas.

Outras pessoas estão lendo

Lâmpadas de alta-intesidade

As lâmpadas HID, ou de alta intensidade, são utilizadas pela maioria dos profissionais que trabalham em estufas. Apesar de caras, elas são extremamente eficazes e eficientes. A luz criada pelo sódio em alta pressão fornece descarga máxima nas extremidades vermelhas, amarelas e laranjas do espectro de luz, afetando positivamente o tamanho e a saúde das plantas. As lâmpadas de halogênio produzem um espectro mais azulado. As melhores lâmpadas HID misturam dois espectros de luz para que uma melhor performance global seja obtida. A lâmpadas de "super espectro", como são chamadas, são bastante resistentes e mais do que suficientes para uma pessoa que possa comprá-las.

Lâmpadas de baixa voltagem

Do outro lado do espectro, algumas pessoas talvez não sejam capazes de comprar lâmpadas de alta intensidade ou talvez não precisem delas. As lâmpadas de baixa voltagem são mais do que suficientes para os horticultores caseiros. Elas englobam todos os componentes em uma só e, apesar de a resistência substituível ter maior consistência a longo prazo, as lâmpadas em miniatura podem facilmente suportar menores quantidades de plantas e flores. As lâmpadas de tamanho micro, mesmo que sejam bem menores, tem bom custo e não ocupam muito espaço, tornando-se perfeitas para jardins. Como o calor em demasia pode ser danoso às plantas de um jardim, as lâmpadas de baixa voltagem podem ser a aposta mais segura para horticultores amadores.

Lâmpadas fluorescentes

Os entusiastas costumam adorar lâmpadas fluorescentes, pois são fáceis de encontrar e comprar, perfeitas para diversas aplicações e aplicáveis a pequenos orçamentos. Elas também possuem a grande vantagem da instalação e manutenção fáceis. São comumente utilizadas em jardins grandes, mas elas são uma boa opção entre as mini-lâmpadas e as lâmpadas HID mesmo em jardins pequenos. Algumas plantas, das ervas às flores que precisam de pouca luz, florescem bem sob luz fluorescente. Entretanto, por terem intensidade extremamente baixa, elas precisam ser posicionadas realmente próximas às plantas para que algum benefício seja obtido.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível