Os tipos de solo que o gengibre rizoma prefere

Escrito por jacob j. wright | Traduzido por franklin serafim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Os tipos de solo que o gengibre rizoma prefere
O rizoma de uma planta de gengibre (Siri Stafford/Lifesize/Getty Images)

Quando não há geadas e as temperaturas do solo estiverem quentes, você pode pode cultivar gengibre ao ar livre. Em regiões tropicais, jardineiros conseguem cultivar gengibre durante o ano inteiro. Embora as geadas matem a folhagem de plantas de gengibre no solo, a raiz subterrânea do rizoma persiste, contanto que temperaturas baixas não penetrem no solo e a mate. Para um melhor crescimento, plante as raízes do gengibre em um solo quebradiço e rico em matéria orgânica que seja não alcalino e úmido, mas também bem drenado.

Outras pessoas estão lendo

Tipos

O tipo mais famoso de gengibre é a espécie Zingiber officinale, com um rizoma aromático e picante (levemente adocicado) que pode ser comido fresco, usado na produção de doces, ou desidratado e moído. Muitas outras ervas tropicais são comumente chamadas de gengibre, incluindo outras do gênero Zingiber, como também aquelas em Alpinia, Costus, Kaempferia e Hedychium. Felizmente para o jardineiro, todas crescem bem no mesmo tipo de solo -- úmido e rico em matéria orgânica.

Condições do solo

Em seu habitat tropical nativo, gengibre cresce em solos arenosos e ácidos. Muita chuva e um suprimento contínuo de folhas em decomposição fazem com que o solo retenha umidade e se torne rico em húmus e nutrientes. Se o solo do seu jardim for naturalmente arenoso, incorpore grandes quantidades de compostos ou esterco em decomposição a ele para aprimorar sua textura e qualidades de retenção de água e nutrientes. De forma análoga, barro pesado ou solo argiloso precisam de partículas finas e grossas de matéria orgânica para melhorar a aeração e textura. Uma mistura de turfa com a parte superior do solo é o suficiente para criar um solo próprio para a cultura, contanto que essa mistura não se torne compacta após a secagem.

Considerações sazonais

Muitos gengibres tornam-se inativos naturalmente, até mesmo nos trópicos. Quando a intensidade da luz diminui, a temperatura baixa, as chuvas cessam e a umidade cai durante a estação de seca tropical ou inverno, gengibres geralmente morrem. Da primavera ao outono, muita umidade no solo e fertilizantes promovem um desenvolvimento frondoso, flores e crescimento dos rizomas. Quando as plantas estão temporariamente inativas, reduza a irrigação para manter o solo apenas levemente úmido, caso contrário, há o risco do apodrecimento da raiz.

Plantando gengibre

Oriente a raiz de gengibre horizontalmente plantando-a em um solo orgânico e quebradiço. As folhas brotam das papilas nodosas ou olhos. Cubra o rizoma com 8 a 16 cm de solo. Não plante de forma raza, já que a superfície do solo seca de forma bastante rápida, especialmente em areia. De forma análoga, não plante muito profundamente, pois as temperaturas caem conforme a profundidade. Solos de textura mais densa podem compactar se o rizoma estiver muito a fundo e impedir que as folhas crescam em direção à luz.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível