O visco é uma planta, um arbusto ou um fungo?

Escrito por elizabeth layne | Traduzido por lucas gomes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O visco é uma planta, um arbusto ou um fungo?
O visco inspira o romance na época de natal (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

O visco tem folhas perenes com uma textura parecida com couro, frutas geralmente brancas e cresce em forma de bolas aglutinadas. Essa planta era considerada sagrada na Europa pré-cristã, quando se acreditava que poderia curar doenças e proteger casas de fantasmas, entre outras coisas. Tornou-se associada com o Natal após os Druidas utilizarem seus ramos para celebrar o ano novo e, hoje em dia, inspira casais a se beijarem. Mas ela tem mais do que qualidades místicas e romance.

Outras pessoas estão lendo

Características do visco

De acordo com a Universidade de Purdue, o visco é uma planta que cresce como um arbusto. O visco é um nome genérico para arbustos da família Viscaceae, a maioria das quais são parasitas, ou seja, eles vivem a partir de outra coisa viva, pelo menos em algum grau. Isso pode fazer algumas pessoas pensarem em fungos, pois como os fugos não têm clorofila, ele deve absorver os alimentos de outra matéria morta ou viva. O visco possui clorofila, mas necessita de água e nutrientes, como o nitrogênio de outras plantas, e ele os consegue de outras árvores. A Universidade de Purdue declara que o nome do visco comum americano, Leucarpum Phoradendron, é baseado no grego "phor", para "ladrão" e "dendron", para "árvore". Em conjunto significa "ladrão de árvore", porque rouba a umidade vital de árvores.

Natureza parasitária

O visco é capaz de produzir alguns dos seus próprios alimentos através da fotossíntese e é normalmente encontrado crescendo nos galhos mais altos de uma árvore, onde a luz solar alcança-o, até que ela morra. O que faz com que essa planta seja um parasita é que ela não tem raízes para absorverem a água e sais minerais do solo. Em vez disso, ela tem haustórios, que são como estruturas de raiz que entram diretamente nos vasos que conduzem a água em uma árvore. O visco é espalhado por aves, como tordos, que gostam de comer os frutos da planta, que contêm uma polpa pegajosa. As sementes na polpa são esfregadas em outras árvores pelos bicos dos pássaros ou por meio de suas fezes. Como as sementes permanecem pegajosas, elas aderem aos galhos das árvores.

O visco é uma planta, um arbusto ou um fungo?
A polpa das frutas do visco são pegajosas (Spike Mafford/Photodisc/Getty Images)

Áreas de cultivo

O visco usa árvores de madeira de lei como hospedeiros no leste dos Estados Unidos, da Nova Jersey à Flórida e no oeste do Texas e Illinois. Algumas espécies vivem mais a oeste em coníferas. Como é uma planta perene, seus pedaços amarelados são vistos mais claramente depois que a árvore hospedeira perde as folhas no outono. Suas flores amarelas claras e pequenas aparecem no final do inverno.

Remoção ou controle

De acordo com a "University of Florida Extension", o visco pode ser contido através de podas ou spray químico. Para remover o visco pela poda, retire as raízes, cortando o galho infestado 15 cm abaixo de onde ele está anexado. Um método menos drástico é arrancar o visco do ramo a cada um ou dois anos, embora ele provavelmente voltará a crescer. O Ethephon, uma substância química que regula o crescimento, pode ser aplicada como um controlador de pragas quando a árvore hospedeira estiver inativa no inverno. Depois de manusear essas plantas, lave bem as mãos com água quente e sabão. Esteja ciente de que as frutas dela são consideradas tóxicas para humanos e animais.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível