×
Loading ...

Como identificar reais dentes de baleia

Dentes de baleia de marfim são muito colecionáveis; eles são especialmente colecionáveis, quando estão inscritos com designs. Esta forma de arte é chamada de scrimshaw. Como os dentes de baleia reais e scrimshaws podem ser extremamente valiosos, existem muitas falsificações no mercado. Produtos falsos podem variar de produções em plástico barato, para ossos e até mesmo uma mistura bem feita de materiais.

Instruções

Dentes de baleia de marfim são muito colecionáveis (Tom Brakefield/Stockbyte/Getty Images)
  1. Conheça as características definidoras encontradas em dentes de baleia cachalote verdadeiros. Os dentes dessa baleia podem ser bem grandes, com a altura média de cerca de 20 cm. Um dente real tem forma de cone e tem uma pequena quantidade de esmalte nas extremidades. O resto do dente é coberto por cemento, que é um tecido semelhante ao osso que forma a superfície externa do dente. Ao olhar pelas seções transversais do dente, que são visíveis na parte inferior, você pode ver um espesso anel de cemento exterior, seguido por um anel de transição claramente visível e anéis ovais ou redondos de dentina. A dentina é o tecido dental mineralizado que forma a maior parte da massa de um dente.

    Loading...
  2. Pesquise as marcas de identificação apropriadas encontradas nos dentes de orcas. Os dentes da orca também são em forma de cone, tem esmalte nas pontas, são cobertos por cemento e têm cortes transversais redondos ou ovais de dentina. Estes dentes também apresentam um ligeiro padrão rosa na seção transversal da dentina. Os dentes da orca também têm dois entalhes externos leves e são menores do que os dentes da cachalote.

  3. Conheça os sinais comuns de materiais falsificados, muitas vezes apresentados como marfim. Comece olhando para as listras horizontais comumente encontradas em um pedaço de marfim. Segure o marfim contra a luz e gire-o. Se as linhas desaparecerem ou se tornarem menos perceptíveis, o marfim é real. As linhas em falso marfim são visíveis em qualquer ângulo. Falsificações do início de 1900 podem ter uma cor branca clara. Quando uma peça se parece uniformemente branca e não mostra quaisquer variações de cores, provavelmente é uma farsa. Desde a década de 1970 um grande número de falsificações de marfim foram produzidos por moldes de plástico feitos a partir de pedaços de marfim originais. Elas também foram coloridas e desgastadas artificialmente.

  4. Teste os dentes de baleia para ver se eles são falsos. Um dos testes comuns que as pessoas conhecem é o teste da agulha quente. Trata-se de aquecer uma pequena agulha até que ela fique vermelha. Coloque a agulha em um local discreto, se o material derreter ou afundar, o dente é falso ou feito de osso. Se não houver nenhuma marca e não derreter é uma peça original. Este teste só funciona se a agulha estiver vermelha e for colocada na peça imediatamente. Outro teste é usar uma lixa. Lixe uma parte não visível do dente de baleia. Crie uma pequena pilha de partículas do pedaço, se ela tiver um cheiro picante ou doce é uma falsificação. Se cheirar a osso queimado ou materiais naturais queimados, é marfim real.

Loading...

Dicas

  • Quanto mais você lidar com peças de marfim falsas e dentes de baleia verdadeiros, mais facilidade você terá para distinguir os dois.

O que você precisa

  • Materiais educativos
  • Lixa
  • Agulha quente

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...