×
Loading ...

Quais reações químicas fazem um vulcão entrar em erupção?

Um vulcão em erupção é uma bela visão. Esse evento geológico dramático é uma amostra espetacular de reações químicas que ocorrem sob a superfície da Terra. As reações são tão explosivas que os estudantes de ciências de escolas de graduação são fascinados por outras reações químicas que geram explosões semelhantes à de um vulcão. Saiba mais sobre o que acontece abaixo da superfície quando um vulcão explode.

Poderosas reações químicas conduzem as erupções vulcânicas (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Explicando os vulcões

Vulcões são formações geológicas com fissuras ou canais que vão até as profundezas do núcleo de lava derretida da Terra. As fissuras em um vulcão estão cheias de magma, ou rocha fundida que é tão quente que flui como fogo líquido em chamas. Quando o calor e a pressão aumentam em grande parte no interior do vulcão, o magma derrete a rocha segurando-a e a empurra para fora por essas fissuras e pelos vulcões. Ele irrompe para fora do topo do vulcão e flui para baixo e para os lados como lava.

Loading...

Magma

O magma é cheio de gases dissolvidos. Quando um vulcão entra em erupção, esses gases são liberados na atmosfera da Terra. Bem abaixo da superfície, próximo ao núcleo, os gases se dissolvem. Quando a rocha derrete, o magma sobe, onde há menos pressão para mantê-los intactos.

Pressão

Perto da superfície, a pressão é menor do que perto do núcleo. Conforme os níveis de pressão diminuem, pequenas bolhas de gases se formam no interior do magma. Essas bolhas ocupam espaço, fazendo volume no magma. À medida que as bolhas aumentam, a rocha contendo-o começa a ceder. Isso acontece pois mais bolhas fazem o magma menos denso que a rocha ao seu redor. Como o magma se torna menos denso devido à menor pressão e mais bolhas, ele pode subir em direção à superfície.

Erupção e liberação de gases

Uma erupção vulcânica ocorre quando há uma reação química envolvendo o volume, pressão e gás. Conforme os gases vulcânicos se aproximam da superfície, eles aumentam de volume drasticamente. O vapor de água compreende a maior quantidade de gases vulcânicos no magma. Outros gases incluem o dióxido de carbono, o dióxido de enxofre, o sulfureto de hidrogênio, o hidrogênio, monóxido de carbono, o cloreto de hidrogênio e o hélio. Quando esses gases aumentam de volume, eles não podem mais ser contidos pela rocha vulcânica e irrompem na atmosfera, onde os ventos predominantes os levam embora. O dióxido de enxofre, o dióxido de carbono e o ácido fluorídrico podem ser perigosos quando lançados. Por exemplo, o dióxido de enxofre pode provocar chuva ácida, que contamina a área em torno do vulcão. O dióxido de carbono afunda e se instala no chão, onde ele pode contaminar fontes de água no solo, prejudicando as pessoas e os animais que as consomem.

Loading...

Recursos

Loading ...
Loading ...