O que é feito das bandeiras velhas e esfarrapadas?

Escrito por elizabeth caraway | Traduzido por andré schwarz
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que é feito das bandeiras velhas e esfarrapadas?
A bandeira sempre tem de ser tratada com o devido respeito (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

A bandeira de um país é um emblema de patriotismo, orgulho nacional e respeito. Por isso, elas devem ser descartadas depois de velhas. Seja por causa de sujeira ou rasgos, se ela não puder mais ser hasteada e balançar ao vento, terá de ser substituída. Nessas situações, faz-se uma cerimônia solene.

Outras pessoas estão lendo

Diretrizes gerais

O artigo 32 da lei 5700/1971 declara que "as bandeiras em mau estado de conservação devem ser entregues em uma unidade militar para que sejam incineradas no Dia da Bandeira, segundo o cerimonial peculiar". Compete então às forças armadas o descarte apropriado de nosso símbolo nacional, e aqui mostraremos como proceder quando sua bandeira estiver gasta ou imprópria para uso.

Cerimonial público

Retire cuidadosamente a bandeira do mastro, certificando-se de que ela não toque o solo. No Dia da Bandeira, 19 de novembro, os militares as incinerarão em uma cerimônia adequada. Portanto, você deve entregá-la à junta militar mais próxima.

No Brasil, sempre se canta o hino à bandeira durante a cerimônia, segundo o decreto 2243/1997, artigo 156, inciso 2. Também deve-se manter a postura: não se deve bater continência à bandeira e tampouco levar a mão ao peito. Deve-se manter uma postura ereta e braços rentes ao corpo, mantendo o respeito à flâmula.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível