Como fazer um cachorro para de pular contra uma porta de vidro?

Escrito por catherine hiles | Traduzido por alice matos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer um cachorro para de pular contra uma porta de vidro?
Você pode treinar seu cachorro para não se incomodar com passantes na porta de casa (David De Lossy/Digital Vision/Getty Images)

Se você tem uma porta de vidro e um cão territorialista em sua casa, poderá ter um problema em mãos. Os cães territorialistas tendem a latir e pular sempre que uma pessoa ou animal passa por suas casas. Se sua porta é feita de vidro, o seu cachorro pode começar a saltar contra ela na tentativa de chegar ao intruso e defender seu território. Embora possa parecer um desafio acabar com este comportamento, é possível com uma mistura de treinamento e gestão.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Engradado
  • Portão para animais
  • Coleira
  • Ajudante
  • Petiscos

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Confina seu cão em uma sala fechada ou à prova de animais quando estiver fora ou não puder assisti-lo. Use portões para animais de estimação para mantê-lo preso. Escolha uma sala que não tenha janelas que deem para a rua ou lado de fora de sua casa.

  2. 2

    Coloque seu cão na coleira e peça a um amigo ou vizinho para andar na frente da casa ou bater na porta de vidro, de acordo com o que faz seu cão saltar.

  3. 3

    Segure a coleira de seu cão e espere calmamente até que ele se acalme. Jogue petiscos em sua boca caso isso o distraia e recompense-o pelo comportamento calmo. Ordene um comportamento incompatível, como um "senta", e recompense-o por obedecer.

  4. 4

    Repita o processo com seu vizinho batendo ou passando até que o cão não se importe mais com isso e seja capaz de manter a calma. Isso pode levar de um dia a algumas semanas.

  5. 5

    Supervisione seu cão quando ele estiver no quarto com a porta de vidro até que você saiba que pode confiar nele. Use uma coleira para amarrá-lo a você ou a uma peça de mobiliário resistente para manter o controle sobre caso tenha um convidado inesperado.

Dicas & Advertências

  • Faça um processo lento de dessensibilização ou, do contrário, poderá sobrecarregar o cão e fazer com que o problema se agrave.
  • Se o seu cão age de forma agressiva com pessoas, procure a ajuda de um instrutor profissional ou comportamentista.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível