Como calcular o pagamento da rescisão de um funcionário assalariado e isento

Escrito por leather martin | Traduzido por fabrício basílio o. de souza
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como calcular o pagamento da rescisão de um funcionário assalariado e isento
Calcule o salário final de um funcionários assalariado baseado nos dias trabalhados (Paying Bills image by ne_fall_photos from Fotolia.com)

Muitas empresas escolhem pagar os funcionários por meio de uma base salarial em vez de pelo número de horas trabalhadas. Os funcionários assalariados recebem o mesmo valor a cada pagamento, independentemente do número de horas trabalhadas. Isso é especialmente benéfico no caso de funcionários isentos, que não estão sujeitos a receber o pagamento de horas extras. Esses incluem certos funcionários que são chefes e administrativos, enquanto que para os funcionários que não são isentos devem ser pagas horas extras se eles trabalham mais do que uma determinada quantidade de horas por dia. No entanto, se você tem que demitir um funcionário assalariado, você deve certificar-se de calcular seu último salário corretamente, pois pode ser um pouco mais complicado do que para funcionários que ganham por hora.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Determine o salário diário do trabalhador. Para fazer isso, pegue o seu salário anual e divida-o por 52, que é o número de semanas em um ano. Em seguida, divida este número por cinco, que é o número de dias úteis de uma semana. O número resultante é a taxa diária do salário do trabalhador. Se o salário for baseado em uma taxa mensal ou quinzenal, mais cálculos são necessários. A taxa mensal pode ser multiplicada por 12 para chegar à taxa anual e uma taxa quinzenal deve ser multiplicada por 26. Além disso, se o empregado trabalhar regularmente mais de cinco dias por semana, você deve calcular sua taxa diária de pagamento baseada no número de dias em que normalmente ele trabalha.

  2. 2

    Determine quantos dias do mês o funcionário trabalhou para a empresa. Ao calcular esse número, você só deve contar os dias de trabalho porque determinou a taxa diária de salário do trabalhador baseada apenas nesses dias. Se se passaram duas semanas do mês e, excluindo os fins de semana, o funcionário trabalhou dez dias, o funcionário será pago por 10 dias de trabalho. Certifique-se de cumprir com a política da empresa no cálculo de dias trabalhados. Por exemplo, dias em que o funcionário estiver doente ou com problemas pessoais podem ser pagos, enquanto outros dias fora do trabalho podem não ser pagos.

  3. 3

    Para calcular o salário bruto do funcionário para o período de tempo antes da rescisão, multiplique a taxa diária de pagamento pelo número de dias trabalhados no período de pagamento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível