O que não se deve comer se tiver diverticulose?

Escrito por sara tomm Google | Traduzido por mariana dsp
O que não se deve comer se tiver diverticulose?

Mulher doente

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Aproximadamente 10% das pessoas nos Estados Unidos com mais de 40 anos e 50% das pessoas com mais de 60 anos têm diverticulose. Os sintomas dessa doença incluem dor, constipação, gases e diarreia, de acordo com o National Digestive Diseases Information Clearinghouse, ou NDDIC. Os divertículos ocorrem quando alguns pontos enfraquecidos da parede do cólon incham, formando sáculos ou bolhas ocas. Apesar de não ser comprovada nenhuma dieta para evitar a diverticulite, algumas mudanças na dieta ajudam a evitar esse problema que causa dor.

Outras pessoas estão lendo

Causas da diverticulose

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Especula-se que a diverticulose ocorra como resultado de uma dieta pobre em fibras. A tensão e pressão exercidas no cólon, decorrente da prisão de ventre, pode fazer com que algumas áreas enfraquecidas formem bolsas chamadas de divertículos. As fezes e a bactéria que ficam presas nesses bolsos podem causar a inflamação e infecção associada à diverticulite.

Alimentos fritos e refinados

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Evite alimentos processados, como arroz branco e macarrão e pães feitos com farinha refinada, pois eles são pobres em fibras. Alimentos refinados e fritos demoram mais para ser digeridos e pressionam ainda mais os divertículos. Constipação e muita força durante a evacuação pioram a diverticulite.

Produtos derivados de animais

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Coma menos carne vermelha para evitar a formação de mais divertículos. Assim como os alimentos refinados, a carne vermelha força mais o cólon durante o processo digestório. Essa força necessária para expelir as fezes pressiona cada vez mais as paredes do cólon, conforme reportado pelo Harvard Health. A ocorrência de diverticulite é muito maior em pessoas que comem carne do que nas vegetarianas. Aproximadamente 80% dos divertículos, que são bolsas, ocorrem no cólon sigmoide, que fica logo acima do reto. As pessoas que consomem carne têm aproximadamente 25% a mais de chance de ter diverticulite no lado direito do cólon, de acordo com o Nutrition MD.

Alimentos com sementes

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Os alimentos com sementes podem piorar a diverticulose e contribuir para o aparecimento de diverticulose, pois podem ficar presos nos divertículos. Esses alimentos incluem nozes, sementes de alcaravia, abóbora, girassol e papoula, gergelim, alimentos com partículas duras, como pipoca, sementes de abobrinha, tomate e pepino, grãos de pães integrais, morangos, framboesas e mirtilos. A diverticulite causa dor abdominal na parte inferior esquerda, febre, cãibras e sangramento retal.

Diário alimentar

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

De acordo com o NDDIC, nem todos os alimentos proibidos afetam as pessoas com diverticulose da mesma maneira. Manter um diário alimentar possibilita identificar quais alimentos causam quais sintomas, e quais seu corpo consegue tolerar.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media