Mais
×

Como cuidar e manter a saúde de um filhote de Pequinês

O Pequinês é um cão pequeno e carinhoso que pode ser um bom companheiro. De acordo com o Clube Americano Kennel (instituição que possui um sistema de registro de raças), o Pequinês é inteligente e ávido para aprender e precisa de pouco exercício físico diário. Essa raça tem um pelo longo, espesso e liso e um sub pelo grosso e macio. Os filhotes são amáveis e teimosos, porém, com a quantidade certa de amor e carinho eles podem se tornar cães adultos saudáveis e equilibrados.

Instruções

O treinamento de um Pequinês em casa é difícil, portanto, comece a treiná-lo assim que possível (Portrait of pretty pekingese dog image by Stana from Fotolia.com)
  1. Comece a ensinar o filhote onde ele deve fazer suas necessidades assim que ele entrar em sua casa, já que o Pequinês é especialmente difícil de ser treinado. Considere usar uma grade como ferramenta de treinamento, para prevenir acidentes e proteger seus móveis dos dentes afiados do bichinho. Leve o filhote para fora sempre que possível – especialmente depois que ele comer, beber, dormir e brincar. Elogie o cãozinho quando ele fizer as necessidades fora de casa.

  2. Alimente seu filhote de Pequinês com alimentos que possuam, como os dois primeiros ingredientes, carne, e que não contenham produtos de milho ou soja, conservantes artificiais, ingredientes processados ou proteína animal hidrolisada. Peça sugestões ao seu veterinário sobre a melhor comida para seu animalzinho. Alimente-o ao menos três vezes por dia e assegure-se de que sempre há água fresca disponível. A quantidade de comida que você oferece depende do peso do filhote. Verifique no pacote do alimento qual a quantidade recomendada para alimentar o cãozinho a partir de sua massa corporal. O Pequinês ganha peso facilmente, por isso, não exagere. Se você perceber que seu cachorro está começando a ficar com sobrepeso, reduza a porção e peça ao seu veterinário uma sugestão de dieta e de exercícios.

  3. Vacine seu animal de estimação contra doenças infecciosas como parvovírus e cinomose, que podem ser fatais caso não sejam tratadas. Não leve seu filhote a lugares públicos até que ele tenha todas as vacinas tomadas, por volta dos quatro meses de idade. Os pequineses são especialmente propensos a desenvolverem resfriados, por isso, mantenha o seu bem longe de cachorros doentes para evitar essa enfermidade. Não exponha seu cãozinho a temperaturas extremas já que seu pequeno focinho indica que ele também é propenso a problemas respiratórios, os quais são agravados durante frio ou calor extremos.

  4. Ensine ao seu Pequinês alguns comandos básicos de obediência. Comece com “senta”, segurando um petisco acima do nariz do filhote e atraindo essa parte do corpo para trás, usando o mesmo petisco. O bumbum do cãozinho terminará afundando em direção ao chão, automaticamente. Crie suas próprias regras de obediência com comandos como “para baixo”, “fica” e “venha”. Os filhotes de pequinês são cães com muita força de vontade que necessitam de uma mão firme; contudo, eles também são sensíveis e sempre devem ser treinados a partir de métodos baseados em reforço positivo.

  5. Leve seu cão para passear com uma coleira quando ele for muito velho para sair. Tenha em mente que o Pequinês não precisa fazer muito exercício e uma caminhada diária deve ser suficiente. Brinque com o seu filhote todos os dias para mantê-lo estimulado e evitar que ele fique entediado. Compre vários brinquedos e faça um rodízio de tempos em tempos para que o cãozinho se mantenha empolgado.

  6. Estabeleça limites e regras às quais o cachorro deve obedecer. Peça ao filhote para que se sente antes de você alimentá-lo e antes de colocar a coleira nele. Se você decidir não deixar o animalzinho subir na cama, certifique-se de que todos os membros da família estejam seguindo essa regra, ou o filhote ficará confuso. O Pequinês frequentemente desenvolve um problema comportamental conhecido como "síndrome do cão pequeno". Esse problema acontece com raças pequenas ou toys que não têm regras ou limites, e pode causar agressividade. Trate seu cachorro Pequinês como faria com qualquer cão grande, impondo regras, como não pular, para evitar este problema.

Dicas

  • Se você se sentir frustrado durante o período de treinamento, faça uma pausa e volte quando você estiver calmo. Caso contrário, o cão irá gravar a sua frustração e as sessões terminarão de modo negativo.

O que você precisa

  • Grade
  • Petiscos
  • Tigelas de água e de comida
  • Comida de filhote
  • Água
  • Coleira
  • Brinquedos
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article