O que é débito cármico?

Escrito por scott thompson | Traduzido por luiz carlos de frança júnior
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que é débito cármico?
Em algumas culturas asiátias, a flor de lotus simboliza o carma: as sementes representam a causa, e flor, o efeito (Getty Images)

O carma se refere à energia criada como resultado das ações e relacionamentos de um indivíduo durante a vida atual e pregressa. O débito cármico significa que algo negativo que ocorreu no passado deve ser resolvido no presente ou no futuro antes que você possa continuar a desfrutar plenamente da vida. A ideia do carma tem raízes na filosofia oriental antiga e mais tarde tornou-se a proposta chave do budismo. Hoje, ele aparece em muitas filosofias da "Nova Era" e foi popularizado pelo programa de televisão "My Name is Earl".

Outras pessoas estão lendo

Tipos de débito cármico

O débito cármico pode ser acumulado de muitas maneiras. Elas incluem relacionamentos amorosos que terminaram mal e situações em que você realmente causou dano físico, emocional ou psicológico a alguém. No entanto, o débito cármico muitas vezes ocorre em situações mais mundanas. Por exemplo, se você quis enfrentar um membro da família ou amigo, mas teve medo de agir, isso passará a fazer parte da sua dívida cármica. Você precisará encarar essa pessoa ou alguém que a represente antes de poder seguir em frente com a vida. Da mesma forma, se você não conseguiu agradecer a alguém por algo, pode acumular dívida cármica, sendo necessário expressar sua gratidão. Pode não ser o caso do débito cármico aplicar-se somente à relação entre os seres humanos. Alguém que se dedicou a uma carreira cortando árvores ou fazendo outra coisa que prejudicou o meio ambiente pode sentir um débito cármico com o mundo natural. A dívida pode ser paga tornando-se um ativista ambiental ou doando tempo e dinheiro para os esforços conservacionistas.

Formas de liquidar o débito cármico

Como descrito acima, a maneira mais comum de quitar um débito cármico é fazendo algo para combatê-lo diretamente. Se você adquiriu essa dívida devido a uma relação negativa com alguém, deve-se construir uma relação positiva com essa pessoa agora. No entanto, nem todas as dívidas devem ser resolvidas dessa forma. Às vezes, a dívida cármica existe simplesmente porque você percebe que ela existe. Você pode sentir-se responsável por alguém quando, de fato, as escolhas eram desse alguém, e você não fez nada para magoá-lo. Nesse caso, a dívida cármica será resolvida ao se fazer uma escolha consciente para libertar-se da responsabilidade e abandonar todas as emoções negativas relacionadas com a situação.

O propósito do débito cármico

O débito cármico é um meio de ajudar as pessoas a aprender. Toda dívida fornece uma lição, e essas lições permitem a evolução da sua alma. Essa dívida não é um castigo. Ela pode gerar desconforto, pois requer que você enfrente medos e mágoas do passado. No entanto, essas sensações desconfortáveis ​​desaparecem quando o débito é pago. Na realidade, ele é um meio de ajudá-lo a substituir a dor e o medo pela paz e esperança, de modo a torná-lo mais saudável e forte no futuro.

A ligação entre débito cármico e almas gêmeas

Segundo a filosofia popular "New Age", as pessoas envolvidas em relacionamentos românticos e amizades próximas são geralmente unidas por uma de três razões. Elas são almas gêmeas — são chamas gêmeas ou têm uma dívida mútua a quitar uma com a outra. Almas gêmeas são como colegas de classe na escola da vida. Eles sempre optam por compartilhar vidas juntos e ter uma amizade que se estende por vidas. Chamas gêmeas são os lados masculino e feminino da mesma alma. Eles se manifestam separadamente em vidas e voltam em períodos-chave na história da Terra, manifestando-se como seres humanos, posteriormente voltando para a consciência eterna de onde vieram originalmente. Finalmente, parceiros cármicos procuram a energia um do outro. Esses relacionamentos geralmente começam com grande paixão, ainda que tenham um final sem qualquer atração. Essas relações também podem deixar um dos parceiros especialmente esgotado. Quando o parceiro cármico parte, é um sinal de que (a) os problemas foram resolvidos e as dívidas foram pagas ou (b) o momento não é adequado para atingir esses objetivos e não há problema em seguir em frente.

Considerações

A ideia de dívida cármica complementa religiões e filosofias que suportam a ideia de reencarnação. No entanto, não é necessário acreditar em reencarnação para beneficiar-se do conhecimento do carma. Em um sentido completamente secular, você pode pensar em débito cármico como as ações passadas uue afetam o presente. A fim de se sentir mais satisfeito, você deve fazer as pazes com o passado, confrontando-o diretamente ou tomando uma decisão consciente para deixá-lo ir e seguir em frente com sua vida.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível