Desvantagens das teorias de liderança participativa

Escrito por b. maté | Traduzido por ingrid marçal
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Desvantagens das teorias de liderança participativa
O estilo de liderança participativa permite aos subordinados opinar nas decisões de negócio (Ciaran Griffin/Lifesize/Getty Images)

Em 1973, os professores Victor Vroom e Phillip Yetton publicaram o artigo "The Normative Model of Leadership Behavior" ("O modelo normativo do comportamento de liderança", em tradução livre) no qual eles exploraram os efeitos do envolvimento de subordinados no processo de tomada de decisão. A pesquisa originou o que hoje são chamadas de teorias de liderança participativa (estilo democrático de liderança). No entanto, a liderança participativa tem suas desvantagens: o processo de tomada de decisão leva mais tempo, é menos eficaz com trabalho não qualificado e apresenta potenciais perigos no que se refere ao compartilhamento de informações.

Outras pessoas estão lendo

Teorias de liderança participativa

A democracia é o objeto principal das teorias de liderança participativa: é permitido que trabalhadores opinem nos processos gerenciais de tomada de decisão (embora os gerentes tomem as decisões finais). Esse foi um estilo de liderança relativamente controverso em 1973, quando a liderança autocrática era prevalente no ambiente de trabalho. Mais tarde, as teorias evoluíram para incluir a chamada "árvore de decisão" e a "árvore de decisão por tempo" criadas por Vroom, que são diagramas e matrizes que ajudam subordinados a obter decisões estratégicas de maneira mais rápida. A árvore de decisão é uma teoria de liderança participativa que tenta aparar as decisões que podem ser tomadas por subordinados descrevendo várias estratégias as quais eles podem escolher. A árvore de decisão por tempo estende esse conceito aplicando uma matriz que define níveis de importância para os fatores que influenciam as decisões. Mesmo com essas mudanças na teoria de liderança participativa original, ainda há falhas que dificultam sua implementação.

Tempo intensivo

Uma das maiores falhas das teorias de liderança participativa é o tempo que leva para encontrar uma soluções para os problemas. Quando um grupo de pessoas deve discutir sobre um problema e sobre possíveis estratégias, é preciso seguir determinada estrutura ou guia para a ajudar o grupo a ser mais eficaz quando encontrarem uma solução. Apesar das alterações que a teoria sofreu ao longo do tempo, como as árvores de decisão e as árvores de decisão por tempo, que tentaram estruturar melhor o estilo participativo, a eficiência no que se refere a tempo ainda é um problema. Por exemplo, em um cenário em que há somente seis estratégias prioritárias que podem ser escolhidas, todos os subordinados devem entrar em comum acordo para a escolha de uma delas. Em casos em que há limitação de tempo ou prazos imediatos, fazer isso pode ser algo impossível.

Menos eficaz com os trabalhadores não qualificados

Outra desvantagem das teorias de liderança participativas é que elas não funcionam em todos os ambientes de trabalho. Fábricas que têm muitos funcionários podem ter maiores dificuldades em alcançar a solução para um problema de negócio usando um tipo de liderança democrático. Além disso, o nível de conhecimento dos envolvidos têm papel importante, e uma grande quantidade de pessoas desqualificadas pode dificultar o processo de tomada de decisão. Ou até mesmo, um indivíduo que não saiba trabalhar em equipe pode não ter sua voz ouvida no processo democrático. Assim, esse estilo de liderança funciona melhor em grupo menores e melhor qualificado que possa oferecer à gerência informações úteis durante o processo de tomada de decisão.

Compartilhamento de informação

Os gerentes podem não gostar de ideia de compartilhar informações de negócio com todos os funcionários. Embora a informação possa ser vital para encontrar a estratégia ideal, pode ser que ela não possa ser compartilhada com os funcionários. Nas teorias de liderança participativa, no entanto, informações vitais para o processo de tomada de decisão devem ser compartilhada independentemente de seu nível de confidencialidade. Isso pode levar não somente ao vazamento de informações, mas também a conflitos entre os próprios funcionários.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível