A dieta da borboleta azul

Escrito por ann lapan | Traduzido por saryne cruz
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A dieta da borboleta azul
A borboleta azul (blue butterfly image by RT from Fotolia.com)

A dieta da borboleta azul pode se referir a duas coisas: o hábito de alimentação da borboleta azul ou um centro medicinal de visões espirituais no Peru. Ambos são estudos interessantes. A borboleta azul é uma das maiores e mais belas borboletas coloridas do mundo, e, de acordo a um escritor do National Geographic, a dieta da borboleta azul para os xamãs, invoca uma "janela para a alma".

Outras pessoas estão lendo

A dieta da lagarta da borboleta azul

As florestas tropicais da América Latina fornecem habitat e nutrição para estas lagartas. Enquanto lagarta, a borboleta azul come a vegetação na floresta tropical. E já que a sua expectativa de vida é menos que quatro meses, é preciso que elas comam bem o suficiente para ser capaz de realizar a etapa da metamorfose e da reprodução.

A dieta da borboleta azul

Uma borboleta azul toma o sumo e a seiva da fruta através de suas probóscide (um tubo alongado como um canudo, que aparece como um apêndice na cabeça de várias espécies de insetos, invertebrados e mamíferos). Algumas das comidas que a borboleta mais gosta ficam perto do chão, apesar da borboleta aproveitar as frutas localizadas no topo das florestas, onde pode se aquecer no sol.

Xamãs da amazônia

Ayahuasca é uma prática concebida pelos xamãs da amazônia que tem sido passada de geração a geração por centenas de anos para guiar usuários a viver em um estado de equilíbrio. O método lança energias espirituais que podem levar as pessoas a realizações pessoais, curar doenças e descobrir respostas para questões relacionadas com sua própria existência através da experiência da vidência. A dieta da borboleta azul é uma forma de Ayahuasca praticada no Centro Ayahuasca da borboleta azul no Peru.

Componentes da dieta xamã da borboleta azul

Tradicionalmente, Ayahuasca é preparada apenas pelo curandeiro usando cinco ingredientes: vinha da planta de ayahuasca (o ingrediente principal), folhas de chacruna, casca de chullachaki caspi, mapacho e toé. Os ingredientes são cozinhados e amassados em uma mistura, produzindo, dentre outras coisas, o alucinogênio químico dimetiltriptamina (ilegal em alguns países). No Centro Ayahuasca da borboleta azul mais de 15 ingredientes podem ser usadas dependendo da necessidade dos usuários.

Administração da dieta xamã

Para começar os três dias da experiência, um banquete é requerido no primeiro dia depois do almoço, e a cerimônia começa às 21:00 em cada noite consecutiva. Os xamãs abençoam a mistura e decidem quanto vai ser digerido por cada pessoa individualmente. Músicas espirituais chamadas "icaros" são cantadas para passar a energia espiritual enquanto a bebida começa a fazer efeito. As pessoas experienciam várias sensações físicas incluindo variações da temperatura do corpo, náusea, batimento cardíaco acelerado, diarreia e tontura. Normalmente durante as 3 ou 4 horas da experiência, as pessoas sentem terror e impotência diante da limpeza emocional, física ou espiritual que ocorre. Durante as visões da alucinação, xamã se unem aos indivíduos para guiá-los para passarem pelos demônios.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível