Diferenças entre o Facebook e o Linkedin

Escrito por lucila runnacles
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diferenças entre o Facebook e o Linkedin
Atualmente, o Facebook conta com mais de um bilhão de usuários (Justin Sullivan/Getty Images News/Getty Images)

Atualmente, quase todo mundo tem um perfil em pelo menos uma rede social. Existem centenas delas na internet. Algumas servem para procurar trabalho, como o Linkedin, outras estão mais enfocadas na socialização, como o Facebook, enquanto outras servem para mostrar e compartilhar imagens, como é o caso do Instagram. A maioria de todos os sites oferece esses serviços de forma gratuita. Neste artigo vamos mostrar as principais diferenças entre duas grandes redes sociais: o Facebook, que foi lançado em 2004, e o Linkedin, que surgiu em 2003. Dessa maneira você poderá fazer melhor uso e tirar maior proveito delas no seu trabalho e na vida pessoal.

Outras pessoas estão lendo

Facebook

Sem dúvida, o Facebook é a rede social que mais fez sucesso na internet até hoje. Com mais de um bilhão de usuários, o site é conhecido no mundo todo. A fama é tão grande que não só pessoas têm perfil lá. Até mesmo bichos de estimação, objeto e marcas possuem páginas nessa rede. O Facebook é mais voltado para o público jovem que gosta de compartilhar tudo o que faz; subir fotos, contar histórias, jogar, entre outras coisas, e a interação entre os usuários é muito grande. O site permite que cada usuário tenha uma página (um perfil) e atualize da forma que desejar; postando fotos, colocando links, escrevendo, compartilhando informações, entre outras coisas. Além disso, o Facebook conta com um chat, que permite aos usuários uma comunicação de forma instantânea.

Diferenças entre o Facebook e o Linkedin
Mark Zuckerberg é o criador da rede social Facebook (Justin Sullivan/Getty Images News/Getty Images)

Linkedin

O Linkedin é mais voltado para o mundo dos negócios e do trabalho. A maioria das pessoas que tem um perfil nessa rede está procurando um novo emprego ou está em busca de uma mudança profissional. Esta rede é um lugar perfeito para deixar seu currículo à mostra, especificando sua trajetória profissional e a sua experiência. É muito comum que seus usuários aproveitem a página para fazer networking (contatos profissionais). As grandes empresas se deram conta do potencial dessa rede e muitas já nem fazem contratações através de sites de emprego. Elas preferem utilizar diretamente o Linkedin para procurar futuros trabalhadores.

Diferenças entre o Facebook e o Linkedin
O Linkedin é uma rede social para profissionais (Justin Sullivan/Getty Images News/Getty Images)

Diferenças

Existem várias diferenças entre esses dois grandes sites e, uma delas é a quantidade de usuários. Atualmente, o Facebook é sem dúvida a rede de maior sucesso. O site criado por Mark Zuckerberg, ultrapassou a marca de 1 bilhão de usuários, segundo informações do site Olhar Digital. Enquanto o Linkedin tem cerca de 238 milhões de usuários, de acordo com a mesma fonte. Outro ponto que se pode ressaltar é o perfil de cada site. O Linkedin é uma rede voltada para contatos profissionais. Já o Facebook é mais utilizado para relacionamento entre amigos, familiares e conhecidos. Entre as funcionalidades, o Facebook tem um chat para que os usuários possam se comunicar online, enquanto no Linkedin o contato é feito através de mensagens.

Diferenças entre o Facebook e o Linkedin
O Facebook tem jogos online, já o Linkedin não conta com esse atrativo (Justin Sullivan/Getty Images News/Getty Images)

Mais diferenças

E as diferenças não param por aí. No Facebook cada usuário tem um muro, onde todos podem interagir; deixar recados, dar likes (quando alguém gosta de alguma coisa), postar imagens, entre outras coisas. Por outro lado, o Linkedin possui um sistema de referências. Por exemplo, se você já trabalhou com determinada pessoa e quer contar como foi essa experiência, o site disponibiliza um espaço para isso, mas não conta com um muro, como o Facebook. Na questão de imagens, o Facebook permite que o usuário disponibilize quantas fotos desejar em seu muro; criando álbuns e "tagueando" (linkando pessoas) às imagens, enquanto no Linkedin só é possível subir uma foto de perfil. Além disso, a linguagem utilizada nas duas páginas são bem diferentes, o modo como cada usuário escreve nesses sites também é diverso. No Linkedin, é melhor usar uma linguagem mais conservadora e profissional. Já no Facebook dá pra ser mais despachado e bem informal.

Diferenças entre o Facebook e o Linkedin
Muitos já deixaram os emails de lado e agora se comunicam através das redes sociais (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível