Diferentes técnicas de pintura de paredes

Escrito por mackenzie wright | Traduzido por erica priscila de souza
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diferentes técnicas de pintura de paredes
Pintura

Na decoração de casa, as paredes são o pano de fundo para a decoração da sua sala inteirae não há mais razão para que elas sejam insípida ou sem brilho. Técnicas de pintura de parede podem adicionar o calor, profundidade e textura para um quarto e, realmente, melhorar o esquema de decoração do quarto. Muitas técnicas são muito fáceis de fazer, porém o resultado é tão espetacular que uma pessoa que não conhecesse muito bem poderia pensar que ele foi conseguido apenas por uma pessoa altamente qualificada ou um artista.

Outras pessoas estão lendo

Lavagem de cor

Lavagem de cor produz uma mistura suave e muda de cores na parede que são sutis, ainda mornas. A aparência é melhor alcançada com tinta acetinada em duas cores semelhantes. Uma pode ser um tom mais escuro do que a outraou podem ser de cores que ficam ao lado uma das outras no círculo de cores de mesma intensidade.

Pinte a mais clara das duas máscaras sobre a primeira superfície padrão, usando rolos e pincéis, e deixa-a secar. Em seguida, mergulhe um pano úmido na cor mais escura e esfregue-o na parede em um movimento circular, com pressão. Os redemoinhos podem se sobrepor um ao outro, variando a cor para criar várias intensidades, permitindo que algumas áreas da subcamada se mostre completamente.

Esponja

Esponja é semelhante à lavagem de cor, mas dá uma aparência mais profunda, mais texturizada e não tem os padrões de roda, que é a marca registrada da lavagem de cor. Embora uma esponja marinha é a mais comumente utilizada, a mesma técnica pode ser aplicada com um trapo amassado, jornal, saco de plástico, esponja de cozinha ou com qualquer número de materiais para um aspecto variado mas semelhante.

Escolha duas cores semelhantes na sombra. Usualmente, a cor de base é um acabamento liso e, o revestimento superior é uma esponja de acabamento acetinado ou misturadas com uma parte de esmalte para três partes de tinta. Pinte a camada de base sobre a primeira superfície com rolos e pincéis e, deixe secar. Em seguida, umedeça uma esponja marinha, ou qualquer implemento que for escolhido, mergulhe-o na cor da pintura de acabamento e, em seguida, pincele levemente em um pano para secar e remover o excesso de tinta.

Aplique a tinta na parede, esfregando-o com a esponja, trabalhando uma seção de cada vez. Você pode acariciar a esponja sobre a parede de forma aleatória, mais levemente em algumas áreas, mais fortemente ou sobrepostas em outras. Cada vez que você pincelar o muro com a esponja, mova e vire-o um pouco para criar um padrão aleatório. A esponja pode ser a mais leve ou mais pesada que você deseja, até obter a aparência desejada.

Pente

Risco de pente são uma agradável textura alinhada para uma superfície pintada que quase se assemelha a papel de parede. Isso é conseguido com uma camada de base de tinta e um esmalte de cor diferente. Pentes de pintura estão disponíveis na maioria das lojas que comercializam tinta e vêm em uma variedade de larguras.

Aplique o revestimento de base para a parede e deixe secar. Ao trabalhar com o esmalte, a parede deve ser pintada em seções porque o pente necessita ser feito enquanto ele ainda está bem molhado. Pinte o esmalte em uma seção da superfície, em seguida, arraste o pente através da pintura molhada - apenas uma vez - para criar um rastro de linhas de pente. Se você está descontente com a seção, você pode pintar e tentar novamente.

Você pode arrastar o pente em linha reta para longas linhas horizontais ou verticais, mexendo para frente e para trás para linhas onduladas ou redemoinho em padrões mais complicados se você desejar. Você pode obter muita criatividade experimentando e combinando diferentes padrões de pente.

Couro

É fácil e barato conseguir uma aparência de couro em paredes com tinta e os resultados parecem surpreendentemente autênticos, especialmente quando feito em tons de marrom. Alcance essa aparência de forma barata com papel usado, como jornal, sacos de papel marrom tecido ou papel de embrulho.

Rasgue os papéis em tamanhos e formas aleatórias. Aplique-os nas paredes com uma cola de papel de parede, ligeiramente sobrepostos uns aos outros. Pressione firmemente e suavize-os, de modo que todas as bolhas de ar sejam removidas;no entanto, rachaduras ou rugas ficam bem e irão melhorar a aparência do couro.

Quando a superfície é coberta com os restos de papel, deixe-a secar. Depois pinte de novo com uma mistura de quantidades iguais de esmalte e pintura na cor escolhida para a parede. Faça revestimentos tantos quanto for necessário para atingir o nível de cobertura que você deseja.

Tijolos falsos ou pedra

Qualquer parede pode ser feita para parecer como se fossem  de tijolos ou pedras, apenas com tinta e alguns rolos de fita.

Pinte a parede com uma cor de base que se tornará a "argamassa" ou "linhas de argamassa." Deixe-a secar por, pelo menos, 24 horas, para que a fita não danifique a superfície. Use fita adesiva para delinear as formas das pedras ou tijolos. Se a aparência desejada for empilhado de tijolos ou pedras, use um nível e régua para garantir que eles estejam em linha reta e uniforme. Como alternativa, uma aparência mais rústica de empilhados de pedra na parede pode ser conseguida com volta aleatória e formas ovais.

Após a gravação terminar, pinte as paredes com a cor base das pedras. Remova a fita antes de a tinta secar para revelar a "argamassa" alinhada abaixo. Passe a esponja em uma mistura de uma parte de esmalte para uma parte de um tom um pouco mais escuro nas partes de cada "pedra" individual ou "tijolos" para dar-lhes mais profundidade e variação.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível