Efeitos de ficar de cabeça para baixo

Escrito por lindsay bledsoe | Traduzido por aline cortez
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Efeitos de ficar de cabeça para baixo
Os efeitos de ficar de cabeça para baixo variam de acordo com o tempo que a pessoa fica na posição (upside down image by Sandra Henderson from Fotolia.com)

Pendurar-se de cabeça para baixo por curtos períodos de tempo pode trazer benefícios para a saúde. Essa técnica é comum em muitas formas de exercício e pode ajudar no alongamento, alívio de dores e relaxamento dos músculos. Contudo, ficar nessa posição por um período longo pode causar pressão alta, hemorragia, derrame e dano cerebral, entre muitas outras condições graves.

Outras pessoas estão lendo

Terapia de inversão

Especialmente usada para o alívio de dores nas cosas, a terapia de inversão consiste em fazer exercícios moderados enquanto pendurado de cabeça para baixo. Embora não tenha sido provado que essa técnica apresenta benefícios de longo prazo, ela demonstra ser útil para aliviar tensão nas costas e para alongar a coluna. Acredita-se que essa forma de terapia também seja benéfica para a circulação sanguínea, já que ficar de cabeça para baixo permite que o sangue flua de maneira mais estável para o cérebro.

Na yoga

Virar o corpo de cabeça para baixo para reverter temporariamente os efeitos da gravidade é um técnica comum na yoga. Como a gravidade puxa incessantemente o corpo para baixo, causando encolhimento gradual ao longo do tempo, a prática constante desse exercício funciona para alongar a coluna e melhorar a circulação sanguínea. Do ponto de vista mental, acredita-se que ficar nessa postura ajuda a relaxar e a ter mais energia.

Efeitos negativos

Ainda que útil em certas situações, ficar de cabeça para baixo pode ser prejudicial se feito de maneira inadequada ou por muito tempo. Pessoas com lesão nos ombros ou no pescoço podem agravar o problema se tentarem fazer isso ou se tentarem fazer uma parada de mão ou uma invertida sobre a cabeça. Ficar em posição invertida leva o sangue mais rapidamente ao cérebro e torna mais lenta a circulação nas pernas e nos pés. Fazer isso por um período prolongado pode levar o sangue a se acumular no cérebro e gerar pressão atrás dos olhos. Em casos extremos, ficar de cabeça para baixo pode causar cegueira, hemorragia cerebral, convulsões e até morte.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível