Carreira e dinheiro

Os efeitos da inflação no índice de desemprego

Escrito por hunkar ozyasar | Traduzido por diego morais

A relação entre inflação e desemprego podem variar bastante dependendo das causas subjacentes da inflação. Tanto o alto crescimento econômico quanto o elevado déficit orçamentário podem influência as pressões inflacionárias na economia. Embora um exuberante crescimento da economia resulte em baixas taxas de desemprego, um grande déficit resulta em menos ofertas de trabalho e maiores índices de desemprego.

Inflação

Inflação é definida como uma amplo aumento no nível dos preços. Ela é medida pelo monitoramento da variação dos preços dos mais diferentes produtos, calculando uma variação média. Os dois tipos de taxa de inflação são calculados e divulgados. Além disso, os índice de preço ao consumido (IPC), índice de preço do produtor (IPP), é amplamente acompanhados pelos economistas. Enquanto o primeiro é a medida de quão mais caros os produtos comprados pelo consumidor tem ficado, o segundo monitora as despesas pagas pelos produtores, em produtos tais como o aço, cimento e madeira. Geralmente se assume que o IPP resulta num eventual amento do IPC, porque cedo ou tarde as empresas repassam o aumento nos custos de produção aos consumidores.

Crescimento inflacionário

O excesso de crescimento em uma economia pode fazer com que haja um aumento nas pressões da inflacionários ao longo do tempo. Como os consumidores demandarão mais bens e serviços, os produtores irão inevitavelmente cobrar preços maiores. Não é simples apenas aumentar o preços se há uma demanda forte, mas produzir cada vez maiores quantidades resulta em custos mais elevados de produção. O custo de um trabalho, em particular, vai aumentar porque os produtores terão de pagar as horas extras, o que tende ser mais caro, para poder melhorar o nível de produção. Esse maior custo vai naturalmente ser repassado aos consumidores e resultará em um preço de inflação mais alto. Assim, se a inflação é devida ao excesso da demanda dos consumidores, ela tende a resultar em muitas ofertas de trabalho e baixos índices de desemprego.

Inflação relacionada a déficit

Altas taxas de inflação pode também resultar de excessivos gastos e em um extremo déficit do governo. Quanto o governo gasta mais do que pode arrecadar com os impostos, ele deve pedir para financiar esse déficit. Esse empréstimo é quase sempre feito inteiramente pelas vendas de títulos. Quando o governo precisa pegar emprestado grandes quantidades, ele deve ofertar altas taxas de juros para atrair um maior número de investidores. Maiores taxas de juros também geram aumento dos preços, porque o custo do empréstimo dos produtores também se eleva. Quando os investidores emprestam dinheiro ao governo com altas índices de juros, eles também exigem taxas mais elevadas quando emprestam para empresas privadas, que correm mais riscos de reembolso. Tais circunstâncias levam a maiores taxas e inflação e maior índice de desemprego, já que os produtores geralmente têm que demitir funcionários em virtude do aumento do custo dos empréstimos.

Complicações

As causas e efeitos da inflação, desemprego, crescimento econômico e déficit do governo podem ser altamente complexas. Cada quadro macro econômico deve, portanto, ser analisado individualmente, constituído por itens como taxas da poupança, qualificação da mão de obra e outros fatores. Um alto déficit e necessidade por empréstimos pesados podem não ocasionar alta na inflação se, por exemplo, a maioria das famílias de uma economia juntarem um bom dinheiro e comprarem títulos do governo com suas poupanças. Devido a esta demanda, o governo pode não precisar aplicar altas taxas de juros para obter demandas suficientes de seus títulos. Similarmente, certos países dependem intensamente das máquinas e robôs de auto tecnologia para não precisarem pagar muita horas extra para poderem elevar o nível de produção.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media