Como um fator biótico da floresta utiliza um abiótico

Escrito por john brennan | Traduzido por kelly isayama
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como um fator biótico da floresta utiliza um abiótico
Florestas contêm fatores bióticos e abióticos para interagirem entre si (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

O termo biótico se refere a seres vivos, ao passo que abiótico se trata do oposto. Com isso em mente, é possível pensar facilmente em vários fatores bióticos e abióticos encontrados em uma floresta. Árvores, arbustos, bactérias, coelhos e pássaros entram na categoria de elementos bióticos, enquanto o solo, a luz do sol, o ar e a água pertencem à categoria dos abióticos.

Outras pessoas estão lendo

Relações

Qualquer ecossistema como uma floresta exibe uma rede complexa de relações entre diferentes organismos e espécies, os quais dependem direta e indiretamente de fatores abióticos para sobrevivência. Árvores, arbustos e grama não poderiam sobreviver sem luz, por exemplo, e sem essas plantas, coelhos e veados não sobreviveriam também. Não só as árvores e plantas dependem da luz, como também os herbívoros, mesmo que indiretamente.

Luz

A luz é um fator abiótico crucial para a floresta. Árvores e arbustos precisam sintetizar compostos orgânicos, como nucleotídeos, para formarem o DNA, o que requer energia. Além disso, as árvores e plantas também precisam manter condições apropriadas no meio intracelular (concentração de sal, pH, etc.) e isso também gasta energia. A luz é um fator abiótico que serve como fonte de energia, sendo que, na verdade, toda a energia do ecossistema florestal vem dessa fonte.

Água

A água é outro fator abiótico usado por todos os fatores bióticos da floresta. Os processos químicos que mantêm uma árvore ou arbusto vivos acontecem em solução, fazendo com que esses seres precisem de quantidades adequadas de água para permanecerem saudáveis e crescerem. Os animais da floresta também dependem da água para preservar condições ideais dentro de seus corpos, e as bactérias, vitais para a qualidade do solo, não seriam capazes de viver em um ambiente seco e sem umidade.

Solo

O solo é um pouco mais complicado, já que ele inclui tanto fatores bióticos como abióticos. As partículas minerais e a matéria orgânica presentes são abióticas, enquanto as bactérias e os fungos que quebram esses compostos são bióticos. Pode-se pensar no solo como uma camada contendo compostos bióticos e abióticos, ambos cruciais para o crescimento das plantas. A maior parte da reciclagem dos nutrientes na floresta ocorre no solo e na camada de resíduos acima dele.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível