Funções String no Oracle SQL

Escrito por sue smith Google | Traduzido por samir fraiha
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Funções String no Oracle SQL
Textos em String e caracteres no sistema Oracle podem ser processados usando várias funções em SQL (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

As funções String (também convencida como "cadeia de caracteres") em um sistema de banco de dados Oracle podem produzir diferentes tarefas. Desenvolvedores geralmente usam essas funções do SQL (ou "Linguagem de Consulta Estruturada", em português) independentemente do propósito do sistema. Elas se relacionam à vários outros aspectos de dados de texto, assim como os requerimentos do sistema, incluindo "Case" e caracteres e até suas próprias propriedades, como tamanho, alterações e seções. O sistema Oracle é poderoso e possui várias funções SQL úteis.

Outras pessoas estão lendo

Case

As funções SQL no sistema Oracle podem alterar o Case de um ou mais caracteres em um String ou até mesmo dele todo. A função "UPPER" converte toda a String para maiúsculo, enquanto "LOWER" faz o oposto. "INITCAP" converte todo caractere inicial de uma palavra em uma String para maiúsculo. Funções adicionais de NLS (sigla para "National Language Support", ou "Suporte Nacional de Linguagens", em português) fornecem um apoio para aplicações para a internacionalização ou uma localização delas.

Caracteres

Os desenvolvedores podem acessar caracteres com Strings, assim como suas informações, usando funções do sistema SQL de Oracle. A função "CHR" pega um número como um parâmetro que retorna um valor de caractere equivalente. A "ASCII" retorna o valor ASCII de um caractere dado, como um parâmetro de função, e "CONVERT" possibilita o desenvolvedor a trocar os tipos de caracteres atuais que estão sendo usados. Eles referenciam um sistema codificador de caractere em uso de um sistema dado.

Função Length

As funções SQL no sistema Oracle podem oferecer um acesso para informações sobre o tamanho da String e usar isso para processos futuros. A função "LENGHT" retorna o tamanho, enquanto "LENGHTB" retorna o tamanho em bytes. A função "MAX" retorna o conjunto de dados de caracteres máximo, enquanto a função "MIN" retorna o mínimo. O tamanho da String também pode ser alterado usando as funções "LTRIM" e "RTRIM", os quais aparam o conjunto de caracteres dos finais esquerdos e direitos, respectivamente.

Alterações

As funções SQL no sistema Oracle podem realizar várias alterações nas Strings. "REPLACE" toma a String, um caractere dela como parâmetro a ser trocad e o que será mudado, retornando a String resultante com as alterações feitas. "CONCAT" concatena duas Strings passadas como parâmetros, retornando a versão final com ambas juntas. A função "REVERSE" pega uma String e retorna-a com os caracteres em ordem invertida.

Substrings

As funções Substrings no Oracle fornecem a habilidade de acessar e alterar seções de Strings. A função "SUBSTR" usa uma String como parâmetro ao longo da posição inicial e o tamanho requerido, o qual é retornado. A "SUBSRTB" executa uma função similar, exceto quando a Substring requisitada é retornada como uma representação em bytes ao invés de caracteres. A função "INSTR" checa a String dada para determinar se ela contem uma segunda e, caso sim, será retornada sua posição inicial.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível