Mais
×

Por que meu gato come minhas plantas?

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Embora as pessoas geralmente pensem em gatos como animais carnívoros, alguns gatos domesticados gostam de incluir folhas à sua dieta. Isso significa que suas plantas de decoração, flores e pequenas árvores correm o risco de serem mastigadas. Comer plantas é relativamente normal entre os felinos. Segundo a Associação Americana de Prevenção à Crueldade contra Animais (American Society for the Prevention of Cruelty to Animals), um a cada três gatos domésticos gostam de comer folhas. Existem algumas razões diferentes para este comportamento, inclusive doenças.

Gatos geralmente gostam de comer plantas e flores caseiras (flower cat image by Wendi Evans from Fotolia.com)

Hábitos alimentares diferentes

Antes dos gatos serem frequentemente domesticados como hoje, os felinos costumavam a caçar. A necessidade de sobrevivência incluía se alimentar de presas como ratos, camundongos e pássaros. Esses pequenos animais são primariamente herbívoros, e sobrevivem em ambientes com plantas. Quando os gatos pegam pequenos roedores e pássaros, qualquer vegetal ou planta no sistema das presas serão digeridos pelo gato. Já que os felinos domesticados não precisam caçar, suas refeições são à base de carne, com pouca ou nenhuma quantidade de matéria vegetal. Esse desejo por vegetais pode levar o gato a comer suas plantas.

Os gatos costumavam ingerir nutrientes de origem vegetal através de suas presas (Eating cat image by Victor B from Fotolia.com)

Digestão

Geralmente, gatos que comem folhas acabam vomitando. Isso acontece porque eles não possuem certos micróbios necessários à digestão da celulose das plantas. Gatos não domesticados ingerem as folhas pré-digeridas a partir do estômago de suas presas; dessa forma, seus corpos conseguem digerir a celulose. A grama do trigo e a erva-do-gato (Nepeta L.), consideradas seguras para os gatos, também podem causar vômito. Sempre que plantas ou vegetais são ingeridos por um animal, podem causar vômito e diarreia.

Incômodo no estômago

Como muitos gatos associam a ingestão de folhas ao vômito, eles costumam procurar por plantas a casa quando sentem dor de estômago. As plantas também atuam como uma laxante e ajuda os gatos a expelirem as bolas de pelo. Vomitar ajuda a aliviar a dor de estômago ou desconforto causado por alguns alimentos ou doenças. Se o seu animal parece estar sentindo dor e sempre come plantas, leve-o até um veterinário para ser examinado; ele pode estar com problemas de estômago ou digestão.

Pica e transtornos compulsivos

Pica é um transtorno que faz com que os gatos desejem comer objetos como corda, cartolina ou borrachas. Ele é perigoso, pois alguns itens ingeridos podem ficar presos na garganta do animal e bloquear os intestinos. Outra razão para os gatos ingerirem plantas regularmente é um transtorno compulsivo. Algumas raças orientais de gatos, como o siamês, costumam ter transtornos compulsivos, que incluem sugar excessivamente ou comer objetos. A ASPCA recomenda contratar um profissional especializado em comportamento animal certificado, se o seu gato sofrer de alguma dessas condições.

A Pica faz com que os gatos comam objetos como cordas (string image by Alison Bowden from Fotolia.com)

Plantas venenosas

Algumas plantas caseiras como aloe vera, azaleia, mosquitinho e lírio são venenosas para gatos, causando dor de estômago e até morte. Antes de adquirir uma nova planta, consulte a lista de espécies tóxicas para gatos no site Cat Fancier’s Association. Qualquer planta na sua casa que seja tóxica deve ser removida ou transferida para áreas que o gato não alcance, como pendurada em um gancho no teto. Se o seu gato ingeriu a planta e está respirando de maneira estranha, apresenta diarreia com sangue ou vomita constantemente, leve-o ao veterinário imediatamente. Certifique-se de levar a planta para identificação.

Lírios são tóxicos para gatos (peace lily image by Horticulture from Fotolia.com)
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article