A história da arquitetura Art Nouveau

Escrito por dan boone | Traduzido por carolina pires
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A história da arquitetura Art Nouveau
A construção Art Nouveau mais reconhecida é a torre Eiffel, construída para a feira de Paris de 1900 (NA/AbleStock.com/Getty Images)

A rebelião contra as abordagens clássicas e rigidamente formais pelos artistas e arquitetos europeus resultou em um movimento conhecido como Art Nouveau, que significa "arte nova". Iniciada na França na metade do século XIX, foi caracterizada por estruturas arquitetônicas impressionantes. O Hotel Tassel em Bruxelas, obra do arquiteto Victor Horta, é considerado a primeira estrutura Art Nouveau do mundo. O Art Nouveau migrou para a América e influenciou o famoso arquiteto americano Frank Lloyd Wright.

Outras pessoas estão lendo

Origens

De acordo com a "Art Nouveau World Wide", a arquitetura Art Nouveau teve suas origens no estilo neogótico e foi encorajada pelos novos materiais que surgiram no século XIX como o ferro, aço, vidros industriais e concreto. A arquitetura Art Nouveau é caracterizada por temas japoneses, formas assimétricas, vidros curvados e uso extensivo de formas curvilíneas e arcos. Também é típico o uso de enfeites como mosaicos e vitrais. A Bélgica é considerada como a capital da arquitetura Art Nouveau, com mais de 300 prédios do estilo.

Influências artísticas iniciais, 1874 a 1893

Em 1875, uma empresa de promoção de artes e artesanatos chamada "Morris and Company" fundada por William Morris, designer de papéis de parede, tecidos, tapetes e móveis, ajudou a criar o clima adequado na Europa para o surgimento do Art Nouveau. Em Chicado em 1883, o primeiro "arranha-céu", o prédio de 10 andares do seguro de residência, teve sua construção iniciada usando ferro fundido e ferro forjado. Ao mesmo tempo, em Bruxelas, o termo "Art Nouveau" começou a aparecer em publicações.

Evolução, de 1893 a 1914

Na Inglaterra de 1893, a primeira edição da revista de artes "The Studio" foi publicada pelo design gráfico da Art Nouveau Aubrey Beardsley. Em Bruxelas, o arquiteto Victor Horta construiu a primeira construção Art Nouveau, o Hotel Tassel. De 1894 a 1898, o arquiteto francês Hector Guimard projetou e construiu o castelo Beranger em Paris. Mais tarde, ele projetou a entrada do metrô de Paris e a "Synagogue de la Rue Pavee". Em Paris no ano de 1895, Siegfried Bing organizou uma exposição de gravuras japonesas em sua galeria Art Nouveau, "Maison de l'Art Nouveau". No mesmo ano, o artista parisiense Henri de Toulouse-Lautrec pintou "Jane Avril no Jardin de Paris". De 1895 a 1914 o movimento Art Nouveau viajou pela Europa. Na Espanha, foi conhecido como "Arte Noven". Na Alemanha, foi chamada de "Jugendstil", e na Itália era conhecida como "Stile Liberty".

Surgimento da arquitetura global

Exemplos do Art Nouveau incluem o Parque Güell em Barcelona, Majolika Haus em Viena e The Municipal House em Praga. Talvez o mais conhecido de todos seja a torre Eiffel em Paris. De acordo com a New World Encyclopedia, os arquitetos que melhor representam o movimento Art Nouveau incluem Émile André (1871-1933), Georges Biet (1868-1955), Paul Charbonnier (1865-1953), Raimondo Tommaso D'Aronco (1857-1932), Mikhail Eisenstein (1867 - 1921), August Endel (1871-1925), Gabriel Baranovskii (1860-1920), Antoni Gaudi (1852-1926), Vladislav Gorodetsky (1863-1930), Josef Hoffmann (1870-1956), Charles Rennie Mackintosh (1868-1928), Marian Peretiatkovich (1872-1916), Fyodor Shekhtel (1859-1926), Louis Sullivan (1856-1924), Eugène Vallin (1856-1922), Henry Van de Velde (1863-1957), Otto Wagner (1841-1918) and Lucien Weissenburger (1860-1929).

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível