Hospitais do SUS que oferecem tratamento de inseminação artificial gratuito

Escrito por pedro santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Hospitais do SUS que oferecem tratamento de inseminação artificial gratuito
No Brasil, apenas cinco estados possuem hospitais conveniados pelo SUS para a inseminação artificial (Comstock Images/Stockbyte/Getty Images)

Casais que não podem engravidar podem optar pela inseminação artificial para gerar um bebê. A inseminação consiste basicamente na técnica da reprodução medicamente assistida, na qual a deposição do sêmen no aparelho reprodutivo feminino é feita de maneira mecânica. Todo o processo é bastante eficiente e seguro e os preços variam de R$ 2 mil até R$ 10 mil, dependendo do processo, dos profissionais envolvidos, da clínica e do plano de saúde. No ano passado, o Ministério da Saúde montou um grupo de trabalho para estudar a ampliação da oferta de inseminação artificial, especialmente no que diz respeito à fertilização in vitro. O Sistema Único de Saúde (SUS) possui hospitais cadastrados que oferecem tratamentos gratuitos de reprodução assistida, mas apenas em cinco lugares pelo Brasil: em São Paulo, Porto Alegre, Belo Horizonte, Brasília e Recife.

Outras pessoas estão lendo

São Paulo

No Estado de São Paulo, três hospitais estão conveniados pelo SUS para realizar inseminação artificial gratuitamente. Os locais de atendimento são: Hospital Pérola Byington, Hospital das Clínicas de São Paulo e o Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto. Em todos eles, é preciso marcar uma consulta por telefone. Depois de realizados todos os exames e consulta com o médico, o paciente entra para uma fila de espera que pode durar até três anos. O critério para o atendimento é basicamente a ordem de chegada. Apesar de estarem situados em São Paulo, o tratamento é válido para pessoas de todo o país. Hospital das Clínicas da USP: (11) 3069-6244; Hospital Pérola Byington: (11) 3112-1752; Hospital das Clínicas (Ribeirão): (16) 602-2342.

Hospitais do SUS que oferecem tratamento de inseminação artificial gratuito
O o Ministério da Saúde montou um grupo de trabalho para estudar a ampliação da oferta de inseminação artificial (Comstock Images/Comstock/Getty Images)

Minas Gerais

O hospital conveniado em Minas Gerais fica na capital Belo Horizonte. Trata-se do Hospital das Clínicas da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). Para se inscrever no programa é preciso primeiro passar pelo atendimento no Posto de Saúde do bairro Sagrada Família, em Belo Horizonte. Depois que um dos médicos diagnosticar a necessidade de reprodução assistida, aí sim o casal é encaminhado para o setor de marcação de consultas do Hospital das Clínicas. Importante destacar que o tratamento é gratuito pelo SUS, mas toda a medicação utilizada durante todo o processo deve ser custeada pelo próprio paciente. Hospital das Clínicas da UFMG: (31) 3409-9300.

Hospitais do SUS que oferecem tratamento de inseminação artificial gratuito
O tratamento é gratuito pelo SUS, mas toda a medicação utilizada durante todo o processo deve ser custeada pelo próprio paciente (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)

Brasília

Em Brasília, é possível obter atendimento gratuito para inseminação artificial no Hospital Regional da Asa Sul (HRAS). O hospital é uma das maiores referências em fertilização in vitro gratuita. De acordo com essa técnica, um número significativo de espermatozóides (algo em torno de 80 a 100 mil), é inserido em cada óvocito para gerar pré-embriões que posteriormente serão levados para a cavidade uterina da mulher. Todo o processo é feito em um ambiente laboratorial controlado, ou seja, in vitro. Depois de implantados, os embriões se fixam naturalmente à parede do útero, dando início à gravidez propriamente dita. Telefone: (61) 3445-7500/ ramal 7716.

Hospitais do SUS que oferecem tratamento de inseminação artificial gratuito
A inseminação artifical é uma técnica que dá esperança às famílias que não podem ter filhos (Jupiterimages/Pixland/Getty Images)

Recife

Atendendo pacientes das regiões Norte e Nordeste está o Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip). Trata-se de um complexo hospitalar filantrópico especializado em técnicas de reprodução assistida. Desde 2004, o Serviço de Reprodução Humana do instituto realiza uma média anual de 50 fertilizações in vitro e 10 inseminações artificiais. Mas, graças à demanda crescente, a fila de espera é uma das maiores do país. Atualmente, a espera é de pelo menos cinco anos depois de entrar na lista. O processo é semelhante aos outros hospitais. É preciso um encaminhamento do SUS, uma avaliação de esterilidade para aí então entrar na lista oficial. Telefone: (81) 2122-4100.

Hospitais do SUS que oferecem tratamento de inseminação artificial gratuito
A técnica da inseminação in vitro combina um número significativo de espermatozóides com cada óvocito feminino para gerar pré-embriões (Dynamic Graphics/Creatas/Getty Images)

Rio Grande do Sul

Destinado aos pacientes da região Sul do Brasil estão três hospitais especializados em técnicas de reprodução assistida. Ambos se localizam na capital do Rio Grande do Sul, Porto Alegre: Hospital Nossa Senhora Conceição, Hospital das Clínicas, e o Hospital Fêmina, que inaugurou o Laboratório de Reprodução Humana em 2012, com capacidade para 10 fertilizações in vitro por mês. Pelas opções disponíveis, a capital gaúcha apresenta uma fila de espera ligeiramente menor do que a dos outros estados, uma média de quatro anos. Hospital Nossa Senhora Conceição: (51) 3314-5200; Hospital das Clínicas: (51) 3359-8000; Hospital Fêmina: (51) 3314 5200.

Hospitais do SUS que oferecem tratamento de inseminação artificial gratuito
Apesar da longa espera, o tratamento pelo SUS já realizou o sonho de muitas famílias de terem o primeiro filho (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível