Impactos do uso de energias alternativas

Escrito por jason chavis | Traduzido por maria cristina marques
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Impactos do uso de energias alternativas
O uso de energias alternativas tem impactos positivos e negativos (Digital Vision./Digital Vision/Getty Images)

O uso de energias alternativas tem impactos positivos e negativos. A construção de tecnologias de energia alternativa possui muitas vantagens econômicas, mas certos setores de mercados e vários países podem ser afetados negativamente. Elas também fornecem muitas vantagens ambientais se comparadas aos tradicionais combustíveis fósseis e à energia nuclear, mas isso não acontece sem riscos. Enquanto algumas tecnologias produzem pouca ou nenhuma poluição, os efeitos ambientais sobre plantas e animais podem ser graves.

Outras pessoas estão lendo

Características

O argumento de longe mais convincente a favor da energia alternativa é que as emissões de carbono estão aumentando em todo o planeta. De acordo com a Administração de Informação de Energia dos EUA, a quantidade de carbono na atmosfera aumentou 25% desde que a revolução industrial começou no final de 1800. Usinas de carvão e refinarias de petróleo produzem emissões de enxofre e carbono como um subproduto da queima dos combustíveis fósseis para a produção de energia. O dióxido de enxofre é o maior culpado da chuva ácida, enquanto o dióxido de carbono se acumula na atmosfera e atua como um escudo que retém a radiação solar. Isso aquece o planeta, causando o derretimento das calotas polares, danos ao meio ambiente e mudanças climáticas.

Ao utilizar fontes alternativas de energia, os seres humanos podem fazer uma diferença positiva para o ecossistema. Usinas eólicas, solares e hidrelétricas coletam a energia produzida naturalmente e a convertem em eletricidade. Nenhuma destas fontes produz emissões de carbono ou resíduos de produtos radioativos, como é o caso da energia nuclear.

Benefícios

O incentivo ao uso de energia alternativa também tem benefícios econômicos. Muitos novos empregos estão sendo criados pelo desenvolvimento e pela construção de novas usinas para aproveitar essas fontes de energia. Esta nova indústria tem forte potencial de crescimento em toda a economia mundial. O Centro de Progresso Americano relata que mais de um trilhão de dólares é gasto em energia alternativa cada ano, com cerca de 9 milhões de americanos empregados a partir de 2008. Empregos nas áreas de concepção e implementação de energias alternativas podem chegar a dezenas de milhões de pessoas em 2020. Empresas e governos também estimularão o crescimento do setor conforme se torne mais viável e rentável.

Potencial

Muitos governos e organizações têm se preocupado com o consumo e a sustentabilidade a longo prazo dos combustíveis fósseis. Eles representam mais de 90% do consumo de energia em todo o mundo, tendo os Estados Unidos, a China e a União Europeia à frente nesse uso. Apenas os EUA usam mais de 2 bilhões de toneladas de combustíveis fósseis por ano. A demanda global está aumentando anualmente, de acordo com o Instituto de Recursos Mundiais.

Cientistas acreditam que os seres humanos já alcançaram ou estão prestes a alcançar o "pico do petróleo", que é o ponto em que a produção de petróleo atingirá o nível mais alto possível e então começará a cair. Segundo o Departamento de Energia dos EUA, as reservas de petróleo mundial diminuirão até o final do século 21.

Tecnologias de energia alternativa podem ser implementadas para compensar essa perda de petróleo. Fontes alternativas são sustentáveis e têm potencial para continuar em funcionamento por tempo indeterminado. As energias eólica e solar podem ser usadas para alimentar grandes áreas do planeta por si só. Esses recursos são criados pela radiação solar que bate na terra. No caso da energia eólica, a radiação cria o ciclo de convecção que faz com que o vento sopre em todo o planeta, o que pode ser aproveitado através do uso de turbinas eólicas. A energia solar utiliza painéis com células fotossensíveis que coletam a energia emitida pelo sol. Os dois tipos de energia são sustentáveis até que o sol se apague.

Importância

Um grande impacto da utilização de energias alternativas é que isso tornaria países como os EUA independentes de energia externa. O Departamento de Defesa dos EUA prevê um aumento na instabilidade em todo o mundo conforme os recursos tradicionais começarem a diminuir. Os países usarão força militar para lutar pelas reservas de petróleo, carvão e gás natural restantes. Isso pode ter um impacto econômico negativo em grandes nações que serão forçadas a usar recursos militares para combater esses eventos. Os preços dessas mercadorias continuarão subindo, com impactos socioeconômicos potencialmente desastrosos para os consumidores em todo o mundo.

Ao fazer a troca para o uso de fontes alternativas de energia, principalmente as estáveis e sustentáveis, nações como os EUA podem se proteger contra esses efeitos. Se os países forem capazes de gerar sua própria eletricidade e energia a partir de meios alternativos, não haverá necessidade de conflitos diretos por esses recursos, ou de aumento drástico dos preços da energia.

Independência energética para algumas nações, no entanto, significa retração econômica para os outros. Como muitas nações baseiam toda a sua economia em combustíveis fósseis, isso poderia ter um impacto negativo sobre eles. Países ricos em petróleo, como os do Oriente Médio, precisarão mover as suas economias em uma nova direção.

Considerações

Embora existam muitos bônus ambientais para o uso energia alternativa, ela ainda pode ter um impacto negativo sobre o mundo.

A energia eólica é prejudicial para a sobrevivência de espécies de aves e morcegos. Pesquisadores da Universidade de Maryland descobriram que muitos morcegos e pássaros tendem a voar para as pás de turbinas eólicas. Um parque eólico de 20 turbinas matará até 4.000 aves e morcegos em um ano.

A energia hidrelétrica é também ambientalmente questionável. As usinas precisam ser construídas em rios ou próximas ao mar para coletar a energia das ondas, causando, por fim, danos à área ao ponto de torná-la quase inabitável para plantas e animais selvagens. A modificação da paisagem natural também pode causar o escoamento imprevisto, e peixes e animais selvagens podem ser sugados para dentro das máquinas, matando-os e prejudicando os níveis populacionais.

A energia geotérmica, que é o processo de usar o calor do interior da terra para gerar energia, tende a libertar os gases do interior do planeta. Eles podem contribuir para a destruição em andamento da camada de ozônio e o crescimento contínuo do efeito estufa.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível