Quem influenciou William Shakespeare?

Escrito por laurie williams | Traduzido por amanda nunes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quem influenciou William Shakespeare?
William Shakespeare’s triple-threat career as playwright, poet and actor spanned a little more than 20 years. (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

A carreira tripla de William Shakespeare como dramaturgo, poeta e ator, durou um pouco mais do que 20 anos, do começo da década de 1590 até 1613. Poucos registros históricos sobreviveram e ao longo dos séculos muitos fatos sobre sua vida e escritos foram perdidos ou se tornaram interligados com lendas e conjecturas. Os estudantes procuram pelas influências de Sheakspeare nos registros que existem, e fazem inferências das suas 37 peças, 154 sonetos e vários poemas épicos.

Outras pessoas estão lendo

Tempos dramáticos

Nascido em 1564, Shakespeare viveu durante os reinados da Rainha Elizabeth I e do Rei James I, um período que incluiu eventos como a derrota da Armada Espanhola em 1588, a descoberta de lotes de pólvora em 1605 e a subsequente execução de Guy Fawkes em 1606. Os exploradores europeus traziam de volta maravilhas das terras remotas. Os cientistas e escritores mudavam as maneiras como as pessoas enxergavam o mundo. Londres, já uma grande cidade quando Shakespeare chegou, se tornou uma metrópole e centro cultural. Com tudo isso acontecendo, inspirações não faltavam para um dramaturgo.

Licença literária

Como outros dramaturgos, Shakespeare se voltou para autores antigos para enredos básicos. "Otelo" surgiu de um romance italiano de Cíntio. Uma das fontes de Romeu e Julieta foi um poema de 1562 de Albert Brook, entitulado "A trágica história de Romeu e Julieta". A tragédia "Macbeth" foi baseada nas "Crônicas de Holinshed (Macbeth)" e na "Scotorum Historiae" de Hector Boece de 1527. A maioria das peças foram baseadas em histórias que já existiram de alguma forma, mas Shakespeare as deu nova vida.

Peças dentro de peças

Muitos dos personagens coadjuvantes de Shakespeare são animadores — músicos, atores, palhaços, bobos da corte — e seu longo diálogo refletem os mais de 20 anos de Shakespeare em cima do palco e atrás das cortinas como um produtor técnico e empresário. Ele emprega uma técnica de uma peça dentro da outra nas duas obras: "Sonhos de uma noite de verão" e "Hamlet". Ele parece ter buscado muita inspiração de amigos atores. Alguns das suas melhores frases são referências as artes dramáticas: "A peça é a coisa", por exemplo, e "O mundo é um palco, e todos os homens e mulheres não passam de meros atores".

Outro autor?

Alguns céticos apontam figuras proeminentes do tempo (incluindo Sir Francis Bacon, Edward DeVere, e até mesmo a Rainha Elizabeth) como possíveis escritores fantasmas do trabalho de Shakespeare. Eles dizem que Shakespeare não teve educação suficiente ou experiência de um mundo maior para surgir com ampla variação de histórias, personagens e definições — deixou de lado a linguagem majestosa na qual os contos eram contados.

Mas T.W. Baldwin, autor de "William Shakespeare's Small Latine and Lesse Greeke in Two Volumes", ataca a ideia de que Shakespeare não tinha fundamento no seu trabalho. Filho de um rico oficial na cidade mercado de Stratford-sobre-Avon, Shakespeare teria recebido sólida instrução da literatura latina e grega e da Bíblia. As peças estão mergulhadas em alusões a histórias clássicas que ele teria aprendido na escola, diz Baldwin.

Rica influência

Como Baldwin, a maioria das autoridades modernas rejeitam a ideia de ter existido outro autor. De acordo com a estudante Barbara A. Mowat e Paul Werstine da Biblioteca de Shakespeare de Folger, "Parte da riqueza do trabalho de Shakespeare é a influência sentida desses vários mundos nos quais viveu: o mundo da metrópolis Londres, o mundo da Inglaterra rural e de pequenas cidades, o mundo do teatro, e os mundos dos artesãos e pastores".

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível