A invenção da geladeira

Escrito por dawn denmar Google | Traduzido por tatiana ament
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A invenção da geladeira
Cavernas e casas de gelo eram usadas originalmente para preservar alimentos (Karl Weatherly/Photodisc/Getty Images)

A maioria das pessoas não dá muito valor para sua geladeira, sem considerar como era a vida antes dessa invenção. Usar gelo para a preservação de alimentos é uma prática que vem desde os tempos pré-históricos, quando os homens das cavernas armazenavam alimentos na neve ou em cavernas frias. Muitas civilizações antigas usavam gelo para a preservação de alimentos, incluindo os chineses, hebreus, gregos e persas. O alimento era armazenado em casas de gelo ou abrigos forrados com palha para o isolamento e refrigerados com neve ou gelo.

Outras pessoas estão lendo

Refrigeradores de gelo natural

O crescimento da refrigeração contribuiu imensamente para a Revolução Industrial e os movimentos populacionais de países para cidades. Desde o início dos anos 1800, caixas de madeira revestidas com estanho ou zinco e isoladas com madeira ou serragem passaram a levar blocos de gelo. Essas primeiras caixas de gelo eram usadas para armazenar alimentos. As vendas comerciais dos refrigeradores de gelo natural logo tiveram início, mas os consumidores precisavam esvaziar as caixas diariamente nessas unidades. Dos anos 1850 em diante, o uso de refrigeração doméstica tornou-se um marco da civilização, com 45% da população de Nova Iorque mantendo seus alimentos em refrigeradores domésticos de gelo natural.

Transporte de alimentos

O desenvolvimento de vagões refrigerados e salas de gelo para armazenamento em transatlânticos assegurou que a carne e os alimentos pudessem ser transportados por longas distâncias para os consumidores. O desenvolvimento de meios de refrigeração artificial por meio de compressão mecânica prenunciou o aparecimento das geladeiras produzidas em massa. A partir de meados da década de 1870, vagões refrigerados de ar comprimido nos Estados Unidos garantiram a distribuição de carne, produtos lácteos e frutas ou vegetais do Centro-Oeste para as principais cidades americanas. A Empresa de Refrigeração Mecânica Bell-Coleman instalou salas refrigeradas de ar comprimido a bordo de navios na mesma época, permitindo o transporte de carnes da Austrália para a Grã-Bretanha.

Primeiras geladeiras comerciais

As primeiras geladeiras comerciais foram vendidas pela empresa General Electric, em 1911, e consistia em uma unidade compressora montada em cima de uma caixa de gelo. Essas primeiras geladeiras eram formadas por uma caixa de madeira em conjunto com um compressor resfriado à água. Nos anos 1920, geladeiras com gabinetes de aço e porcelana substituíram os refrigeradores de madeira e elétricos e passaram a incorporar freezers com a adição de compartimentos de gelo.

A invenção da geladeira
As primeiras geladeiras comerciais eram gabinetes de madeira com compressores resfriado a água (PhotoObjects.net/PhotoObjects.net/Getty Images)

Sobre refrigeração

A geladeira foi enviada pelo norte-americano Jacob Perkins em 1834. O processo de resfriamento era baseado no ciclo de compressão de vapor, em que o resfriamento rápido é produzido pela evaporação dos líquidos voláteis. As primeiras geladeiras usavam a amônia, um gás tóxico, para criar esse efeito de resfriamento. Como a amônia é letal se inalada, essas primeiras geladeiras causaram mortes de consumidores. O freon foi inventado na década de 1930 e substituiu a amônia. As geladeiras mais populares na década de 1920 foram a Frigidaire e a Kelvinator.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível